Folha Vitória Filho reconhece corpo da mãe dez dias depois da mulher ter sido assassinada em Viana

Filho reconhece corpo da mãe dez dias depois da mulher ter sido assassinada em Viana

Familiares contaram que a última vez que tiveram contato com Lizabeth foi no dia 7 de agosto

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O filho de Lizabeth Garcia Queiroz, de 49 anos, reconheceu o corpo da mãe dez dias depois do assassinato da mãe. O crime aconteceu em um sítio em Areinha, no município de Viana. 

A vítima, que morava no bairro Ataíde, em Vila Velha, foi baleada na cabeça, nuca e no olho. Familiares contaram que a última vez que tiveram contato com Lizabeth foi no dia 7 de agosto. Na época, ela disse que sairia de casa para encontrar uma amiga e desde então não foi mais vista. 

Na última terça feira (18), mais de 10 dias depois do desaparecimento, o filho foi ao Departamento Médico Legal (DML) para procurar pela mãe, e foi quando ele descobriu que ela havia sido encontrada morta em um sítio.

Familiares da mulher estiveram no DML e disseram que ela era uma pessoa boa, e que não imaginam o que possa ter motivado o crime.

Com informações da repórter Bianca Vailant, da TV Vitória/ RecordTV

Últimas