Folha Vitória Foragido deixa filho de 4 anos no meio da rua para correr da polícia em Viana

Foragido deixa filho de 4 anos no meio da rua para correr da polícia em Viana

O homem estava sendo procurado desde maio, quando foi expedido contra ele um mandado de prisão

Folha Vitória
Foto: Iures Wagmaker/Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um homem de 41 anos, foragido da Justiça, acabou preso após deixar o filho de apenas 4 anos no meio da rua para correr da polícia. Ele passeava com o menino, que foi entregue ao Conselho Tutelar.

Tudo aconteceu no bairro Vila Bethânia, em Viana. O homem estava sendo procurado desde maio, quando foi expedido contra ele um mandado de prisão. Na terça-feira (09), o foragido foi localizado pela polícia.

Os policiais foram informados pelo serviço reservado de que o homem estava passando a pé com o filho por uma rua próxima ao cemitério do bairro. Eles se aproximaram e fizeram a abordagem. Quando questionado, o homem se identificou com um nome falso.

Enquanto os policiais militares verificavam as informações, o suspeito saiu correndo e deixou o próprio filho para trás. Segundo informações do boletim de ocorrência, um dos policiais foi atrás dele a pé e o outro na viatura.

Leia também: Suspeito de roubar celulares e vender para receptadores é preso em Guarapari

O homem então pulou o muro de uma casa, invadindo o quintal. O policial que estava na viatura conseguiu alcançá-lo e relatou que foi necessário, inclusive, usar spray de pimenta para conter o homem. Ao descer uma escada mais inclinada durante a perseguição, o policial acabou ferido e torceu o tornozelo.

Já com o homem na viatura, os policiais militares retornaram ao local onde ele havia sido avistado. O filho ainda estava lá e seguiu com os policiais no banco de trás até o Pronto Atendimento de Arlindo Vilaschi.

O policial ferido recebeu os primeiros socorros e, segundo o boletim de ocorrência, foi feito o contato com o Conselho Tutelar do município. O menino foi entregue aos cuidados de uma conselheira que compareceu ao PA.

Os policiais militares constataram que o nome informado pelo homem durante a abordagem era mesmo falso. Ele, de fato, era o foragido procurado pela Justiça e foi conduzido para a delegacia, sendo encaminhado ao presídio posteriormente.

*Com informações da repórter Fernanda Batista, da TV Vitória/Record TV

Últimas