Folha Vitória Goleiro Bruno some com mais de R$ 20 mil arrecadados em vaquinha para pagar pensão

Goleiro Bruno some com mais de R$ 20 mil arrecadados em vaquinha para pagar pensão

Um oficial de justiça chegou a ir no endereço do ex-jogador em três oportunidades, mas a casa estava 'abandonada'. Avó de Bruninho afirma que não recebeu o dinheiro

Folha Vitória

Foto: Reprodução/RecordTV

Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Com o intuito de arrecadar dinheiro para pagar a pensão do filho Bruninho, fruto do caso com Eliza Samudio, assassinada há 12 anos, o goleiro Bruno fez uma vaquinha online. O objetivo era de alcançar R$ 90 mil, valor total acumulado em dívidas. No entanto, 48 horas depois, o jogador desapareceu com o dinheiro que conseguiu.

A informação é da jornalista Gaby Cabrini, no programa Fofocalizando. Segundo a jornalista, um oficial de justiça chegou a ir ao endereço de Bruno em três ocasiões, nos dias 23, 27 e 29 de agosto.

Porém, ninguém se encontrava na residência, que parecia abandonado segundo o oficial. Gaby Cabrini ainda declarou que entrou em contato com Sônia Moura, mãe de Eliza e com quem Bruninho vive, que afirmou não ter recebido nenhum dinheiro enviado para o neto.

A vaquinha online foi aberta pela atual esposa de Bruno, Ingrid Calheiros, após divulgar um vídeo nas redes sociais do jogador pedindo a ajuda para conseguir o dinheiro, uma vez que o goleiro estava impedido de trabalhar na área. Em 48 horas, havia arrecadado um pouco mais de R$ 20 mil com o apoio de mais de 180 mil apoiadores.

Últimas