Folha Vitória Homem é preso suspeito de agredir e abusar de esposa grávida em Vila Velha

Homem é preso suspeito de agredir e abusar de esposa grávida em Vila Velha

A mulher, que está grávida de 5 meses, contou à Polícia que foi alvo de chutes, socos e mordidas

Folha Vitória
Foto: Matheus Brum
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um homem de 29 anos foi encaminhado ao presídio na manhã desta quinta-feira (22), suspeito de espancar e abusar a própria mulher, que está grávida de 5 meses. De acordo com a Polícia Militar, ele teria agredido a vítima dentro de casa, no município de Vila Velha, durante esta madrugada. 

A mulher, uma representante comercial de 29 anos, contou aos policiais que o marido começou uma discussão enquanto os dois estavam em um bar. Quando o casal chegou em casa, o homem continuou alterado e para evitar confusão, a mulher foi para o banheiro tomar banho. 

A vítima relatou que o suspeito foi atrás dela e a agrediu no banheiro, batendo a cabeça dela na parede mais de uma vez. Para intimidar a companheira, o homem teria utilizado uma faca para furar a parede e um armário.

A polícia foi acionada pela tia do suspeito. A mulher mora próximo à residência do casal, escutou a confusão, foi até o local e encontrou a vítima pedindo socorro. O homem ainda teria segurado o braço da tia e tentado pegar o celular, quando a grávida o convenceu voltar para dentro de casa.  

Após a interferência da tia, o suspeito voltou a agredir a mulher. A vítima contou à polícia que foi alvo de tapas e socos no rosto. Depois, foi obrigada a ter relações sexuais com o homem e teve os seios e o rosto mordidos.

As agressões só pararam com a chegada dos policiais, que encaminharam a vítima, o suspeito e a tia para o Plantão Especializado da Mulher, que fica em Vitória. 

A grávida, que ficou com lesões pelo corpo, preferiu não comentar sobre o ocorrido. Segundo a PM, ela estava em choque. Já a tia do suspeito disse que teve medo de achar a mulher morta em casa e por isso resolveu denunciar o sobrinho. Ela informou que este não teria sido o primeiro caso de violência envolvendo o casal. 

Com informações da repórter Jéssica Cardoso, da TV Vitória

Últimas