Folha Vitória Homem furta clínica odontológica na Serra e prejuízo passa de R$ 6 mil

Homem furta clínica odontológica na Serra e prejuízo passa de R$ 6 mil

Durante o furto, o criminoso levou um notebook, um óculos de grau, a televisão da clínica e até o controle remoto

Folha Vitória
Foto: Reprodução / TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Uma clínica odontológica no bairro Laranjeiras, na Serra, foi invadida e furtada. Após o crime, o prejuízo deixado pelo criminoso ultrapassou os R$ 6 mil. No local, ele roubou desde o computador até a televisão da clínica e ainda voltou para buscar o controle remoto.

Com comportamento agitado, ele invade o local com uma mochila nas costas e uma lanterna na mão. Dentro da clínica ele pega um notebook e coloca na mochila.

O criminoso pegou uma televisão e quando estava saindo, voltou para pegar o controle remoto que estava em uma das gavetas. 

"A gente está procurando câmeras de vizinhos para ver se ele deixou o carro dele estacionado por aqui. Seu para ver que ele estava com alguma chave no bolso, e aquela chave parecia ser de carro ou de moto", contou a proprietária.

Após contabilizar todo o prejuízo deixado, a empresária disse que o valor ultrapassa os R$ 6 mil, somando o notebook, a televisão, os óculos e um celular.

Situação constante no município

Esse é apenas um dos muitos furtos ocorridos na Serra. De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp), entre os meses de janeiro e abril deste ano, foram registrados 260 furtos em lojas da cidade. Um aumento de 60% se comparado ao mesmo período do ano passado, quando aconteceram 162 furtos em comércios.

A proprietária da clínica invadida procurou a Polícia Militar e registrou o boletim de ocorrência. Com um forte sentimento de indignação, a empresária espera que o criminoso não fique impune.

Segundo informações da Polícia Civil, o boletim de ocorrência sobre esse crime foi feito na manhã desta segunda-feira (14) e agora o caso segue sob investigação. Até o momento nenhum o suspeito não foi identificado.

* Com informações da repórter Milena Martins, da TV Vitória/RecordTV

Últimas