Folha Vitória Incêndio que ameaçava casas de dois bairros em Vitória é extinto pelos bombeiros

Incêndio que ameaçava casas de dois bairros em Vitória é extinto pelos bombeiros

Questionada sobre os focos iniciados e apagados por diversas vezes, foi informado que apenas a perícia poderá afirmar a causa do fenômeno com exatidão

Foto: Internauta / Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um incêndio que começou no último sábado (10) e que seguiu avançando pela mata da região do Parque da Fonte Grande e chegou próximo às residências dos bairros Inhanguetá e Universitário teve os focos, finalmente, eliminados pelo Corpo de Bombeiros nesta segunda-feira (12).

De acordo com o CBMES, no bairro Universitário, a atuação teve início por volta de 15h30 deste domingo (11), sendo o fogo extinto por volta de 21h. Já às 22h, o Corpo de Bombeiros Militar recebeu um novo acionamento e enviou equipe ao local, pois havia novos focos de incêndio. Este combate se estendeu até aproximadamente 1h30 da madrugada desta segunda-feira (12). 

> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas pelo WhatsApp? Clique aqui e participe do nosso grupo de notícias!

Por volta de 2h da madrugada, houve um novo acionamento para o mesmo local, que foi atendido e encerrado aproximadamente às 04h50 da manhã. Também durante o domingo, equipes atenderam a chamados de incêndio em vegetação no bairro Inhanguetá. 

 Na manhã desta segunda-feira (12), no bairro Inhanguetá, vizinho ao bairro Universitário, houve um novo foco de incêndio em vegetação. A equipe foi encaminhada e o fogo foi extinto por volta de 10h30.

Novamente, por volta de 12h30 houve um novo acionamento e uma equipe foi encaminhada, constatando que não havia chamas, somente fumaça. Nos dois bairros, as chamas atingiam a mata do Parque da Fonte Grande, e o combate foi realizado com apoio das equipes do Parque.

Apesar da contenção do fogo, o Corpo de Bombeiros Militar esclareceu que as equipes permanecem de prontidão e os moradores devem fazer o acionamento, caso necessário, por meio do 193. A perícia do Corpo de Bombeiros Militar está apurando as causas dos incêndios reincidentes.

Questionada sobre os focos iniciados e apagados por diversas vezes, a corporação informou que apenas a perícia poderá afirmar a causa com exatidão.

Últimas