Folha Vitória Influenciadora pode ser deportada de país após pintar máscara no rosto

Influenciadora pode ser deportada de país após pintar máscara no rosto

Em Bali, estrangeiros são multados no valor equivalente a US$ 68,76 (cerca de R$ 373) se forem pegos sem usar máscaras em público. Uma segunda violação pode resultar em deportação

Folha Vitória
Foto: Reprodução / Instagram
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A modelo e influenciadora russa, Leia Se, e um amigo taiwanês, podem ser deportados da Indonésia por conta de uma brincadeira publicada na internet. Leia foi à um supermercado, localizado na ilha de Bali, com o rosto pintado de azul e branco, no formato de uma máscara contra o novo coronavírus. Acontece que o uso da máscara é obrigatório no país.

A influenciadora foi filmada pelo amigo, Josh Paler Lin, e o vídeo foi divulgado no Instagram. Imediatamente, seguidores de ambos começaram a reclamar nos comentários. O vídeo foi apagado, mas cópias foram parar nas mãos das autoridades.

A polícia indonésia apreendeu os passaportes dos dois e agora as autoridades locais estudam a possibilidade de deportar os amigos para seus países de origem.

Em Bali, de acordo com as regras, estrangeiros são multados no valor equivalente a US$ 68,76 (cerca de R$ 373) se forem pegos sem usar máscaras em público. Uma segunda violação pode resultar em deportação.

*Com informações do Portal R7

Últimas