Folha Vitória Jovem embriagado e com habilitação suspensa é detido após acidente em Vila Velha

Jovem embriagado e com habilitação suspensa é detido após acidente em Vila Velha

Segundo os militares, a quantidade de álcool apontada no bafômetro era quase 3 vezes maior do que o permitido

Folha Vitória
Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um motorista foi flagrado embriagado e sem habilitação, após se envolver em um acidente com um ônibus e acabou detido pela Polícia Militar em Vila Velha.

Segundo os militares, a quantidade de álcool apontada no bafômetro era quase 3 vezes maior do que o permitido. O acidente aconteceu por volta de 5h deste sábado (25), no bairro Cristóvão Colombo.

Vidros e outras partes do carro ficaram espalhadas pela rua e pela calçada no cruzamento entre a rua Joaquim Nabuco e a avenida principal do bairro.

Ao perceber que o jovem de 25 anos estava agitado, os militares solicitaram que ele fizesse o teste do bafômetro. 

A quantidade de álcool apontada no aparelho que faz a medição foi de 0.98 miligramas de álcool por litros de ar. O máximo permitido por lei são 0.33 miligramas.

A polícia conduziu o motorista para o Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Vila Velha e, ao chegar no local, os militares constataram que a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) dele estava suspensa por exceder o limite de pontuação permitido pelo Código Brasileiro de Trânsito.

Jovem voltava de boate quando colidiu com o ônibus 

O jovem contou à polícia que voltava de uma boate com uma colega que estava no banco do carona no momento da colisão.

O motorista do ônibus contou aos policiais que o condutor do carro avançou o semáforo e os dois veículos acabaram batendo.

O ônibus estava vazio e o comércio estava fechado no momento em que a batida aconteceu. Por isso, ninguém presenciou o acidente.

Em nota, a Polícia Civil informou que o suspeito foi autuado em flagrante por dirigir embriagado e por descumprir uma medida administrativa de trânsito e irá responder ao processo em liberdade depois de ter pago uma fiança.

* Com informações da repórter Polyana Martinelli da TV Vitória/Record TV

Últimas