Folha Vitória Jovens armados rendem passageiros em transcol e fazem arrastão

Jovens armados rendem passageiros em transcol e fazem arrastão

De acordo com uma das vítimas, os suspeitos ameaçaram atirar nos passageiros caso eles não entregassem os pertences à eles

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Três jovens armados fizeram um arrastão em um ônibus do Transcol da linha 514, saindo do Terminal de Vila Velha sentido ao Ibes. De acordo com uma das vítimas, eles foram agressivos e fizeram ameaças. 

O crime aconteceu por volta das 22h desta segunda-feira (25) quando o coletivo deixou o Terminal de Vila Velha. A linha 514 passa pela Terceira Ponte, segue pelo Centro de Vitória, Segunda Ponte e só então chega ao Terminal do Ibes.

Os suspeitos renderam os passageiros e anunciaram o assalto quando o ônibus passava pela avenida Jerônimo Monteiro, em Vitória.

Uma vendedora, de 25 anos, que estava no coletivo contou à produção da TV Vitória que os três homens não levantaram nenhuma suspeita. Além do celular, eles roubaram a bolsa da vítima com todos os documentos. 

"Eles estavam conversando no fundo do ônibus e todo mundo calado. Não tinha porque ficar conversando uma hora daquela. Passou depois do Palácio, eles anunciaram o assalto. Eu entreguei o celular, porque geralmente pedem o celular. Eles não se contentaram e pediram minha bolsa. Levaram documento, chave de loja e todos os meus pertences e de todo mundo que estava lá", relatou ela.

Após o assalto, os suspeitos conseguiram fugir. A mulher contou ainda que eles apontaram a arma para as pessoas que estavam no coletivo e ameaçaram atirar caso não entregassem o que eles pediam. 

"Os três estavam armados. Eles chegaram e colocaram a arma na gente. Intimaram com a arma. Falaram que era para a gente entregar se não eles iriam atirar", ressaltou ela. 

De acordo com a vendedora, nenhum dos passageiros desconfiou de nada. Os três jovens entraram normalmente no coletivo no terminal de Vila Velha, sentaram no banco de trás e vieram conversando durante todo o percurso. 

Segundo ela, o motorista do ônibus relatou que já esperava que algo pudesse acontecer. Isso porque um dos suspeitos teria ido até a frente do coletivo e voltado para o fundo duas vezes. Além disso, a linha foi assaltada cerca de três vezes só nesta semana. 

Todos os passageiros foram levados para a Delegacia Regional de Cariacica, onde a ocorrência foi registrada. A vendedora relatou também que está assustada e não sabe por onde vai começar para refazer os documentos e outros objetos roubados.

"Se for olhar eu estou andando como indigente. Roubaram todos os meus documentos, desde carteira de trabalho. Eu comecei no emprego que estou no período de experiência ainda. Levaram a chave da minha casa, da loja. Tudo que imaginar", afirmou.

A Polícia Civil informou que o caso segue sob investigação da Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra Transporte de Passageiros (DRCCTP). 

A Polícia Civil destacou também que a população tem um papel importante nas investigações e pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, que também possui um site onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas, o disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas.

*Com informações do repórter Rodrigo Schereder, da TV Vitória / Record TV

Últimas