Folha Vitória Jovens do ES podem concorrer a bolsas de estudo no exterior. Saiba mais!

Jovens do ES podem concorrer a bolsas de estudo no exterior. Saiba mais!

A Soul Bilíngue é uma organização que nasceu no primeiro semestre de 2018 para incentivar, orientar e preparar jovens de escolas públicas e periferia para intercâmbios internacionais

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Jovens de 18 a 26 anos do Espírito Santo, São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro que vêm de escolas públicas e possuem renda de até dois salários mínimos, per capita, podem se inscrever, de 1 a 11 de dezembro, para o processo seletivo das turmas do 1º semestre de 2020 da Soul Bilíngue, organização social que democratiza o ensino de inglês e o acesso ao intercâmbio internacional a países como Austrália, Inglaterra e Canadá.

A inscrição será feita exclusivamente pelo site www.soulbilingue.com, mediante preenchimento de formulário socioeconômico e pagamento de taxa social de R$ 25. Os candidatos que atenderem aos critérios do edital farão o processo seletivo e o anúncio dos aprovados será divulgado no dia 4 de fevereiro. Quem entrar para o programa, fará imersão de inglês por pelo menos seis meses e concorrerá a bolsas de estudo fora do país.

Gratuito, o programa online da Soul Bilíngue oferece, além das aulas de inglês, mentorias individuais, focadas em conversação, com brasileiros ou estrangeiros voluntários; acompanhamento psicológico em grupo e individual; desafios bimestrais de engajamento e atividades extras, às terças-feiras, à noite.

As bolsas de intercâmbio no exterior são concedidas aos melhores colocados do ranking Soul Bilíngue, que já enviou estudantes para Canadá, Austrália, Nova Zelândia, Inglaterra, Malta e África do Sul. A pontuação é obtida por meio de notas nas provas, resultado de engajamento, realização da quantidade mínima de mentorias e encontros com os psicólogos, entre outras ações de desempenho dos estudantes.

Cotas

Atualmente, 74% dos alunos da Soul Bilíngue declaram-se negros, pardos ou indígenas e a partir do próximo semestre, 25% das bolsas para o exterior serão reservadas a estes alunos. A ação afirmativa terá a duração de vinte edições do programa, o equivalente a dez anos.

“Não há nenhuma estatística sobre a participação de negros em intercâmbio internacional. A Soul Bilíngue, como uma organização social focada no público de baixa renda, tem o compromisso de mudar esse cenário e gerar oportunidades internacionais, principalmente à população preta”, explica a fundadora, Ariane Noronha.

Histórico

A Soul Bilíngue é uma organização que nasceu no primeiro semestre de 2018, em Mogi das Cruzes, na Região Metropolitana de São Paulo, para incentivar, orientar e preparar jovens de escolas públicas e periferia para intercâmbios internacionais. Desde então, impactou 300 jovens com o ensino de inglês e encaminhou 12 para estudar o idioma fora do Brasil. Neste ano, a pandemia impediu 20 novos embarques.

A iniciativa social foi fundada pela jornalista Ariane Noronha, após ela viver seu tão sonhado intercâmbio internacional e ver sua vida totalmente impactada pela experiência nos Estados Unidos, onde morou por um ano e meio e trabalhou como Au Pair (babá).

Últimas