Folha Vitória Mãe de cacique é a primeira indígena vacinada em Aracruz

Mãe de cacique é a primeira indígena vacinada em Aracruz

A indígena de 71 anos é mãe do cacique da aldeia Piraqueaçu, cacique Caraí

Folha Vitória
Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A primeira indígena a ser vacinada no município de Aracruz foi Marilza da Silva, de 71 anos. Ela, que é mãe do cacique da Aldeia Piraqueaçu, Cacique Caraí (Pedro da Silva), recebeu o imunizante contra o novo coronavírus na tarde desta terça-feira (19) em sua aldeia de origem. Além dela, outros nove indígenas foram vacinados também. 

A Prefeitura de Aracruz recebeu 3.400 doses da vacina contra a covid-19 e realizou cerimônia de vacinação simbólica na aldeia. Na próxima quarta-feira (20), a partir das 9h, a vacinação começará nas aldeias Boa Esperança e Irajá. Vale ressaltar que a Aldeia Boa Esperança é a que possui a maior população indígena.

Últimas