Folha Vitória Mais de 3 mil vagas temporárias de emprego devem ser abertas no comércio do ES para o Natal

Mais de 3 mil vagas temporárias de emprego devem ser abertas no comércio do ES para o Natal

Segundo a Fecomércio-ES, as vendas devem movimentar até R$ 20 milhões por dia neste ano, 20% a menos do que o registrado no mesmo período de 2019

Folha Vitória
Foto: TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Faltando pouco mais de dois meses para o Natal, lojas de artigos de decoração e festa já enfeitam as vitrines com produtos natalinos. A expectativa dos comerciantes é recuperar boa parte do prejuízo acumulado durante os últimos meses, em virtude das restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus.

Segundo a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Espírito Santo (Fecomércio-ES), as vendas devem movimentar até R$ 20 milhões por dia, nos dias que antecedem o Natal. O número, no entanto, é 20% menor do que o registrado no mesmo período de 2019, quando ainda não havia pandemia. 

Ainda assim, a previsão da Fecomércio é de que cerca de 3 mil pessoas sejam contratadas temporariamente. "Essa é a expectativa. Infelizmente, com a decorrência da pandemia, milhares de empregos foram perdidos. Então, melhorando o comércio, nós faremos aquelas chamadas contratações temporárias. Também existe a possibilidade de boa parte desses novos contratados serem admitidos em definitivo. Naturalmente vai ter uma reação do comércio", destacou o presidente da Fecomércio, José Lino Sepulcri.

Para chamar a atenção do público, muitas lojas de artigos de decoração e festa da Grande Vitória enfeitaram as vitrines e abasteceram as prateleiras com produtos natalinos antes do que costumavam nos anos anteriores.

"Nós ficamos praticamente cinco meses paralisados. Para se ter uma ideia, segundo levantamentos da Federação do Comércio, esse prejuízo superou a casa dos R$ 7 bilhões. Com a volta do funcionamento do comércio, de um modo geral, nós já estamos observando uma certa reação nas vendas, nos últimos 30 dias inclusive. Em função disso, os empresários estão numa expectativa de um final de ano bem melhor", ressaltou Sepulcri.

Um espaço voltado especialmente para artigos natalinos foi inaugurado nesta quarta-feira (14), na Praia do Canto, em Vitória. No local, chamado de Vila do Natal, é possível encontrar árvores com enfeites nas cores mais tradicionais e outros tons, além de peças variadas de decoração.

Uma das donas do espaço, Patrícia Noronha, conta, no entanto, que começou a expor e a vender produtos natalinos antes mesmo do Dia das Crianças, em uma outra loja mais antiga, do outro lado da rua. "O Natal inspira. E nessa época tão complicada, nesse ano tão difícil, isso aqui traz uma alegria a mais para as pessoas", afirmou.

Patrícia conta que recentemente contratou 13 funcionários, que se somaram aos sete que ela tinha até o início da pandemia. A comerciante diz que pretende continuar com todos eles no ano que vem.

"Foi um ano atípico, que todo mundo ficou em casa e ainda não temos a vacina. Então muita gente vai ficar em casa. Quanta gente não viu a família, não viu os pais, que são mais idosos? Eu acredito que vai ser uma libertação esse Natal. As pessoas vão estar juntas, vão enfeitar as casas, vão querer estar juntas", frisou.

Com informações da repórter Fernanda Batista, da TV Vitória/Record TV

Últimas