Folha Vitória Mais de 67 mil raios são registradas no Espírito Santo. Saiba o que fazer para se proteger!

Mais de 67 mil raios são registradas no Espírito Santo. Saiba o que fazer para se proteger!

Um homem que estava usando o celular conectado na tomada morreu após ser atingindo com uma descarga elétrica

Folha Vitória
Foto: Pixabay
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Imagem ilustrativa

Além da intensidade da chuva que caiu sobre o Espírito Santo, neste domingo (08), a quantidade de raios e trovões deixou boa parte dos capixabas assustados. De acordo com o Grupo de Eletricidade Atmosférica do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (ELAT/INPE), 67.761 raios foram registrados no estado, sendo que 20.392 tocaram o solo.

Foto: Reprodução Facebook
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Uma pessoa foi atingida pela descarga elétrica e morreu na cidade de Pancas, no Noroeste do estado. Marcos Teone Barbosa da Costa, de 46 anos, estava na varanda de casa com o celular, conectado na tomada, na mão.

Algumas pessoas têm o hábito de, sempre que começa a chover, desligar os eletrodomésticos da casa, ficar longe dos celulares, das janelas e não usar o chuveiro. 

De acordo com o engenheiro eletricista André Stavrakas, no caso dos eletrodomésticos, a ideia de tirar da tomada tem como objetivo evitar o risco de curto circuito e queima do aparelho. "As linhas da concessionária têm um certo grau de proteção, mas não é suficiente para garantir que os equipamentos não vão queimar, principalmente os mais sensíveis", explicou.

O engenheiro explica que, quando o celular é utilizado ligado na tomada, torna o acidente mais propensas. "Ele se torna uma pessoa mais propensa a receber a descarga. Se a casa não tiver um para-raio, a pessoa se torna uma pessoa mais favorável a atrair os raios", disse. 

Quando se trata do uso do celular fora da tomada, o uso de água corrente e a proximidade com as janelas, o especialista afirma que não há motivos para preocupação. "Não precisa. O sinal de raio que o celular emite não fará com que a pessoa se torne mais suscetível ao raio. Com as tomadas de três pinos, os eletrodomésticos também ficam mais seguros", ressaltou. 

André alerta, ainda, para que as pessoas fiquem dentro de casa e locais abrigados. "Ficar dentro de casa, em um local abrigado, você está protegido. O perigoso é você ficar em locais abertos, na rua, na praia", alerta. 

*Com informações do repórter Alex Pandini, da TV Vitória/Record TV. 

Últimas