Folha Vitória Mercado de influenciadores cresce exponencialmente

Mercado de influenciadores cresce exponencialmente

O marketing de influência está em alta, como apontam levantamentos. O assunto foi abordado durante o RD Summit e teve alta adesão, o que confirma o aumento do interesse pelo tema

Folha Vitória
Foto: Divulgação/DINO

O trabalho como digital influencer já deixou de ser um hobby há um bom tempo. Este mercado está crescendo a cada dia e grandes marcas estão realizando campanhas com criadores de conteúdo na web, buscando fortalecimento no digital e/ou até mesmo aumentar resultados, como vendas, por exemplo. 

Segundo estudo realizado pelo Influencer Marketing Hub, o investimento nesta área em 2016 era de "apenas" US$ 1,7 bilhão. Já em 2021, saltou para US$ 13,8 bilhões; e a expectativa é que chegue a mais de US$ 16 bilhões até o fim deste ano.

Em consulta ao Google Trends, filtrando pelos últimos cinco anos, é possível observar que o interesse pelo marketing de influência aumenta a cada ano que passa. Estes números comprovam que os influencers estão sendo cada vez mais procurados e o mercado está crescendo desenfreadamente. 

Outro fator determinante para destacar tal fato é a alta adesão e procura sobre o tema durante a RD Summit 2022, que aconteceu nos dias 25, 26 e 27 de outubro.

No evento houve uma trilha de conhecimento sobre o trabalho com influenciadores digitais, promovida pela Influency.me — empresa que possui software para desenvolvimento de campanhas no setor e criação de ações publicitárias. Durante o RD Summit, promoveu quizzes diários sobre o assunto, para introduzir de forma simples e descomplicada a todos os participantes que visitaram o estande da marca.

Para destacar o interesse do público do evento sobre o mercado de criadores de conteúdo, pode-se levar como referência as duas palestras promovidas pela Influency.me. 

A primeira foi no formato de painel, que teve uma conversa entre dois criadores de conteúdo — Josy Ramos e Lucas Estevam — e uma profissional de agência — Inaira Florêncio, da Mercado Bitcoin —, que trabalha com campanhas de marketing de influência. O objetivo foi promover um debate sobre a relação entre estes profissionais e as marcas. Foram aproximadamente 600 participantes, que ganharam insights dos "dois lados da moeda" (criadores e empresas contratantes).

A segunda palestra foi mediada por Rodrigo Azevedo — CEO e fundador da Influency.me — no qual apresentou ao público o método IMAP (Influencer Marketing de Alta Performance), que foi criado por Azevedo. A apresentação teve a adesão de 400 pessoas, que tiveram a oportunidade de ouvir o especialista brasileiro no assunto.

"Estava desenvolvendo o método IMAP há um tempo e decidi lançar durante a RD Summit. A alta adesão que tivemos simboliza bem o crescimento desenfreado deste mercado no Brasil e no mundo. Estudos mostram isso, mas ver com os próprios olhos é gratificante.", argumenta.

Em número, foram aproximadamente 3.500 pessoas (sendo 1.000 que participaram das palestras e 2.500 dos quizzes) buscando conhecimento sobre um mercado que não para de crescer. A marca promoveu, ao todo, mais de 400 conteúdos e realizou a ativação de mais de 60 influencers.

Para Azevedo, a participação no evento foi um sucesso e abre ainda mais as portas do influencer marketing para o mercado de comunicação. "A RD Summit, por si só, é gigante. Os principais nomes do marketing digital se reuniram em um só lugar. Ter a oportunidade de passar conhecimento sobre a influência digital em um evento deste porte é uma forma de expandir ainda mais o nome do marketing de influência no Brasill", finaliza.

Últimas