Folha Vitória Messi marca no jogo mil, Argentina bate a Austrália e enfrenta a Holanda nas quartas de final

Messi marca no jogo mil, Argentina bate a Austrália e enfrenta a Holanda nas quartas de final

No seu milésimo jogo na carreira, o camisa 10 mais uma vez desequilibrou e abriu o placar na vitória que colocou os argentinos nas quartas de final do Mundial

Folha Vitória
Foto: Conmebol
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Em uma partida que parecia controlada, mas que terminou sofrida para os hermanos, a Argentina confirmou o favoritismo e está nas quartas de final. Neste sábado (03) a seleção albiceleste derrotou a Austrália por 2 a 1, com Messi mais uma vez desequilibrando, e está garantida na próxima fase do Mundial.

O camisa 10 argentino teve uma noite especial no Catar. Na partida diante dos australianos, Messi completou mil jogos oficiais na carreira e atingiu dois feitos: conseguiu balançar as redes pela primeira vez em um mata-mata de Mundial e passou Maradona na lista de artilheiros da Argentina nas Copas.

O craque argentino agora tem nove gols nas cinco edições do torneio que disputou, e só perde para Batistuta, que marcou 10 vezes com a Albiceleste.

A Argentina sentiu falta de Di Maria, que não se recuperou de uma lesão no quadríceps. A equipe teve o controle total da bola no primeiro tempo, mas não conseguia furar a retranca australiana.

Entretanto, os argentinos precisaram de apenas um momento livre de Messi para abrir o placar. Aos 35 minutos, o atacante recebeu a bola de Otamendi e deu um tapinha de esquerda com extrema categoria para tirar da defesa e do goleiro adversário.

Com a vantagem no placar, a Argentina voltou um pouco mais insinuante no segundo tempo. E ampliou aos 11 minutos, após uma bobeada incrível do goleiro Ryan, que tentou driblar na área e perdeu a bola para Álvarez, que só teve o trabalho de empurrar para a rede.

A Austrália, no entanto, em um dos seus poucos ataques, achou um gol aos 32 minutos em chute de Goodwin que desviou na defesa. O gol animou a Austrália, que quase empatou em um golaço de Behich. A Argentina também teve as suas chances, três vezes com Lautaro Martinez. Ainda deu tempo para a Austrália dar um último susto, mas o goleirão Martinez fez grande defesa e salvou a classificação.

Quartas de final

Com a classificação, a Argentina se prepara para enfrentar um desafio duro. Na sexta-feira, às 16h (de Brasília), a equipe do técnico Lionel Scaloni encara a Holanda nas quartas de final. O vencedor desse duelo pode enfrentar o Brasil nas semifinais.

*Com informações do Portal R7

Últimas