Mitos e verdades sobre o câncer de mama

A cada ano, 28% de novos casos de câncer de mama surgem no Brasil e no mundo

Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Câncer de mama é o segundo mais comum entre as mulheres. 

O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres no Brasil e no mundo, respondendo por 28% dos novos casos a cada ano, e mesmo com todas as campanhas sobre o tema, o assunto ainda gera muitas dúvidas que precisam ser esclarecidas, principalmente quando e mama é um dos símbolos da identidade feminina.

Nesse sentido, a oncologista Caroline Secatto Tres esclarece alguns dos principais mitos sobre a doença.

O tumor de mama pode ser causado por algum trauma, como uma pancada?

Mito - O trauma (pancada) pode formar uma massa na mama, mas, embora se assemelhe a um tumor, é benigna.

Vários nódulos são menos perigosos do que apenas um?

Mito - A quantidade não influencia na gravidade ou não da doença. Além disso, é importante saber que nódulo nem sempre é câncer.

Quem faz autoexame sempre não precisa fazer mamografia?

Mito - O autoexame de mama não é suficiente para detectar um tumor. A mamografia, juntamente com a avaliação clínica, assim como outros exames de imagem e a biópsia são os métodos mais recomendados.

Desodorante pode causar câncer de mama?

Mito - Trata-se de mais uma "lenda" da internet. Não existem células mamárias na axila e não há nenhum estudo científico que correlacione o uso de desodorante ao câncer de mama.

Amamentação reduz o risco de câncer de mama?

Verdade - Na amamentação, as células mamárias produzem leite e se multiplicam menos, reduzindo o risco da doença. Além disso, há estudos que mostram que mulheres que amamentam por mais de 6 meses têm chances menores de ter a doença porque o tecido glandular das mamas é substituído por gordura.

Amamentar estando com suspeita de câncer de mama pode fazer mal ao bebê?

Mito - As células cancerosas não passam para o bebê pelo leite e é possível amamentar mesmo tendo que realizar exames de diagnóstico como mamografia, raio X, tomografia computadorizada, ressonância magnética, ultrasson e biópsia.

Estou com diagnóstico de câncer de mama, então, não posso amamentar?

Verdade - Os médicos aconselham que mulheres que iniciam o tratamento com radioterapia ou com quimioterapia parem de amamentar até que os elementos radioativos ou químicos sejam completamente eliminados do organismo da mãe.

O câncer de mama tem cura?

Verdade - Cada caso é um caso e o tratamento será sempre individualizado. Quanto mais precoce o diagnóstico e com o tratamento adequado, mais chance de cura.

Menstruar muito cedo aumenta o risco de câncer de mama?

Verdade - Isso porque essas mulheres menstruam mais vezes ao longo da vida, ou seja, ficam mais expostas aos hormônios estrogênio e progesterona.

Silicone pode causar câncer?

Mito - Próteses de silicone não têm nenhuma relação com câncer de mama. Mas podem dificultar o diagnóstico.

Praticar atividade física ajuda a prevenir a doença?

Verdade - Pelo menos 30 minutos diários de atividades como caminhada e corrida podem ajudar na prevenção.

Homens podem ter câncer de mama?

Verdade - É mais raro, mas acontece. E, nos últimos anos, houve aumento na incidência da doença entre pessoas do sexo masculino.

Sutiã aumenta o risco de câncer de mama?

Mito - Não há nenhuma pesquisa que mostre essa relação.

Seios maiores têm mais chance de desenvolver tumores?

Mito - Todas as mulheres, independentemente do tamanho das mamas, podem desenvolver a doença.

Últimas