Folha Vitória Morador do ES poderá agendar vacinação e fazer teste de covid-19 mesmo sem sintomas

Morador do ES poderá agendar vacinação e fazer teste de covid-19 mesmo sem sintomas

Novo sistema ajudará o governo do Estado a ter um controle maior do estoque de vacinas disponível, além de melhorar a divulgação da quantidade de doses aplicadas

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A partir da próxima sexta-feira (09), a população do Espírito Santo terá à sua disposição duas novas plataformas online, que permitirão o agendamento de testagem pelo exame de RT-PCR e o de vacinação contra a covid-19. 

O lançamento das duas plataformas foi anunciado na tarde desta segunda-feira (05), pelo secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, durante uma entrevista coletiva.

Ambos os módulos serão geridos pelo governo do Estado. A novidade permitirá, por exemplo, que qualquer cidadão capixaba realize o teste para a detecção do coronavírus, mesmo que não apresente sintomas da doença. 

Mais detalhes de como funcionarão os agendamentos serão informados na próxima quinta-feira (08), quando será realizado o ato de lançamento oficial das duas novas plataformas.

Leia mais:

>> Viana pode ser a primeira cidade do Brasil a alcançar imunidade coletiva em agosto
>> Novo grupo prioritário para vacina contra covid-19 será divulgado na sexta-feira

Com relação ao agendamento online das vacinas, o serviço já é oferecido por diversas prefeituras do Espírito Santo. No entanto, agora o governo do Estado estará à frente desses agendamentos.

Segundo Nésio Fernandes, o novo sistema ajudará o governo do Estado a ter um controle maior do estoque de vacinas disponível, além de melhorar a divulgação da quantidade de doses aplicadas na população capixaba.

"Será adotado um módulo que registre o movimento de estoque padrão, único para todos os municípios capixabas. E também nosso painel da vacinação terá uma atualização mais precisa e praticamente em tempo real, no acompanhamento das doses aplicadas nos municípios capixabas, podendo superar todo esse transtorno que tem sido ocasionado na divulgação dos dados da vacinação no Espírito Santo, por conta dos atrasos e das dificuldades técnicas na sincronização com a plataforma do Ministério da Saúde", frisou o secretário.

Nésio Fernandes esclareceu também que os municípios não são obrigados a aderirem à nova plataforma de agendamento online, podendo manter seu atual sistema de agendamento.

"A adesão ao módulo de agendamento é opcional. Se o município já possui um sistema de agendamento, ele pode preservar. Aqui na Grande Vitória, alguns municípios que possuem agendamento online já manifestaram interesse de poder aderir ao módulo de agendamento e também diversos municípios do interior", disse o secretário.

"O sistema estará aberto a qualquer tempo para adesão dos municípios. Então o município que não aderir nesta semana poderá aderir nas semanas seguintes à plataforma", completou.

O secretário de Saúde do Estado ressaltou ainda que a nova plataforma representará uma nova fase na organização da imunização no Espírito Santo.

"Nós acreditamos que o agendamento online, mesmo nos municípios do interior, para a população urbana, cumpre papel importante no que diz respeito à organização da oferta das vacinas e à redução de filas e da insatisfação e frustração dos pacientes que acabam indo até os serviços e não encontrando vacinas disponíveis".

Últimas