Morre ex-prefeito de Baixo Guandu, Armando Viola

Político, que já havia sido também deputado federal e estadual foi internado na sexta com quadro de infecção urinária grave, contraiu a covid-19 e não resistiu

Foto: Reprodução Facebook
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O ex-prefeito de Baixo Guandu, no Noroeste do Estado, ex-deputado federal e ex-deputado estadual Armando Viola, de 76 anos, morreu na manhã desta segunda-feira, após complicações por causa de uma infecção urinária associada ao novo coronavírus. O político foi internado na última sexta (4), no sábado o quadro piorou e ele precisou ser transferido para a UTI do Hospital Rio Doce, em Linhares. Na manhã desta terça ele não resistiu a uma parada cardiorrespiratória.

Políticos lamentaram a morte do ex-prefeito. Por meio do Twitter, o presidente da Assembleia Legislativa deputado Erick Musso (Republicanos) pediu conforto à família. "É com tristeza que recebi a notícia do falecimento do ex-deputado Armando Viola. Mais uma vítima da Covid-19. Iniciou carreira política em Baixo Guandu como vereador, foi prefeito do município e deputado estadual por dois mandatos. Que Deus conforte a família!", escreveu.

Armando Viola era formado em Direito e começou a carreira política como vereador em Baixo Guandu. Ele exerceu o cargo de 1967 a 1971. Foi eleito prefeito e comandou o município de 1971 a 1973. Foi deputado estadual entre 1983 e 1991, deputado federal entre 1993 e 1995 e ainda exerceu a função de procurador-geral da Assembleia e foi secretário de Planejamento em Linhares. 

Em função da pandemia, não haverá velório. Um cortejo fúnebre estava previsto para sair do hospital em direção ao Cemitério São José, em Linhares, onde o político morava.