Folha Vitória Motociclista é baleado em Cariacica; suspeitos dispararam mais de 30 vezes

Motociclista é baleado em Cariacica; suspeitos dispararam mais de 30 vezes

Este foi o segundo tiroteio com vítima registrado no bairro durante o feriado

Folha Vitória
Foto: Reprodução / TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um motociclista foi atingido de raspão após suspeitos dispararem mais de 30 vezes contra ele. O crime aconteceu nesta segunda-feira (12) no bairro Flexal 1, em Cariacica e foi o segundo tiroteio com vítima registrado no bairro durante o feriado prolongado.

Tudo aconteceu por volta das 10h na rua em que ficava o antigo destacamento da Polícia Militar do bairro. O motorista que foi atingido disse aos policiais que passava pela rua e que homens em um carro escuro começaram a atirar. 

A vítima também disse que foram efetuados mais de 30 tiros e que um desses disparos atingiu o braço dele. Após o susto, o motociclista abandonou a moto no local e conseguiu fugir.

Policiais contaram que quando chegaram no local, encontraram a moto com marcas de tiros no tanque de combustível. Um adolescente informou aos policiais que o veículo seria do irmão dele e foi neste momento que o motociclista se apresentou.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, o motociclista prestou esclarecimentos, mas recusou atendimento médico. Por orientação da Delegacia de Homicídios a Proteção à Pessoa (DHPP), a ocorrência foi encerrada no local onde ocorreu o tiroteio.

Ocorrência semelhante

O tiroteio na rua foi o segundo registrado no bairro Flexal 1 durante o feriado prolongado. Na tarde do último domingo (11) um homem foi baleado próximo ao ponto final dos ônibus, próximo ao bairro Santa Rosa.

 No local, foram encontradas cápsulas de balas de fuzil e de pistola 9 milímetros. Quando a polícia chegou, a vítima não estava mais no local. Quando foi localizado, o homem atingido já estava internado em um hospital de Vitória.

Sobre o tiroteio desta segunda-feira, a Polícia Militar informou que a vítima foi socorrida pelo Samu. De acordo com a Polícia Civil, o caso está sendo tratado como tentativa de homicídio e seguirá sob investigação da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cariacica. 

A polícia reforça que a população pode ajudar, de maneira anônima, através do disque-denúncia pelo número 181.

* Com informações da repórter Fernanda Batista, da TV Vitória/Record TV.

Últimas