Folha Vitória Motorista de aplicativo é assaltado por três adolescentes na Serra

Motorista de aplicativo é assaltado por três adolescentes na Serra

A vítima contou que foi ameaçada de morte pelos suspeitos no bairro José de Anchieta. Além do veículo, o motorista teve o celular e R$ 100 roubados

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um motorista de aplicativo, que por medo preferiu não ser identificado, foi assaltado, após atender a uma corrida para três adolescentes. Eles fingiram ser passageiros no bairro São José, na Serra.

A vítima disse que foi ameaçada de morte pelos suspeitos na tarde desta terça-feira (05). Os adolescentes levaram o veículo, o celular e R$ 100,00. Um dos garotos mentiu ao solicitar a corrida. Ele havia dito que foi a avó quem pediu a corrida.

Os supostos passageiros anunciaram o assalto, quando o carro passava em uma rua deserta. O motorista se negou a prosseguir com a corrida por já desconfiar da intenção do assalto.

"Sacaram um revólver e falaram para ficar quieto se não iam estourar minha cabeça. Em um momento de distração, eu empurrei a porta do carro e sai correndo", contou.

A vítima conseguiu pedir socorro para funcionários de empresas próximas ao local do crime.

O veículo levado pelos assaltantes é um Fiat Grand Siena preto, que ainda não foi encontrado.

Outro motorista de aplicativo foi assaltado e colocado dentro do porta-malas em Cariacica

Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Outro motorista de aplicativo também foi assaltado na tarde desta terça-feira (05). Ele atendeu a uma chamado para uma corrida no bairro Mucuri, em Cariacica, às 15h. 

Assim como no assalto ao motorista de aplicativo na Serra, a corrida foi solicitada por uma mulher. No entanto, ao chegar ao local, havia três homens armados.

A vítima, que preferiu não ser identificada, contou que tentou fugir assim que viu os assaltantes, mas não conseguiu. O homem foi rendido e os suspeitos mandaram que ele fosse para o bairro Morada de Bethânia, em Viana. Lá, o trabalhador foi colocado no porta-malas do próprio veículo, onde ficou por aproximadamente 10 minutos.

Depois, o motorista foi deixado em um lugar com poucas casas. Como o veículo possui sistema de rastreamento, foi localizado pouco mais de uma hora depois no bairro São Francisco, em Cariacica.

"Eu trabalho há dois meses com aplicativo e não esperava ser vítima em tão pouco tempo. Eu pensava na minha família e nos meus filhos. Só pedia a Deus para me proteger", desabafou.

Os suspeitos levaram o celular do motorista e R$ 120,00.   

* Com informações das repórteres Alessandra Ximenes e Fernanda Batista da TV Vitória/Record TV

Últimas