Folha Vitória Motorista de aplicativo é rendida e tem carro que comprou há um mês roubado na Serra

Motorista de aplicativo é rendida e tem carro que comprou há um mês roubado na Serra

A mulher estava na segunda corrida do dia quando foi surpreendida pelo suspeito armado

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Uma motorista de aplicativo foi alvo de criminosos e teve uma arma apontada para a cabeça durante um assalto no bairro São Diogo, na Serra. A vítima havia comprado o carro há um mês.

A mulher trabalha com corridas por aplicativo há nove meses. Na segunda-feira (14), ela acordou cedo e já começou a trabalhar. Ela estava finalizando a segunda corrida do dia quando o crime ocorreu. 

A vítima contou que deixou a passageira em uma rua do bairro e ficou alguns minutos sozinha dentro do carro esperando pela solicitação da próxima corrida. Foi neste momento que ela foi abordada pelo suspeito. 

"Eu estava com a atenção no celular para ver o aceite da corrida e não vi ele chegando. ´Foi muito rápido. Pisquei e ele já estava lá". 

Segundo a mulher, a todo momento o homem dizia para que ela não reagisse, caso contrário, ele iria atirar. "Ele falava: 'me dá tudo, passa tudo, não reage'. Ele ainda ameaçou atirar". 

Dentro do carro estavam os documentos, celular, cerca de R$ 300 e um óculos. A mulher ainda tentou resgatar o celular, mas não conseguiu. O suspeito fugiu levando tudo. "Eu tentei pegar meu celular. Falei que tinha rastreador para ver se ele entregava, mas ele disse para deixar lá". 

A vítima ficou em choque e foi aparada por moradores da região. A rua tem câmeras de segurança, mas, segundo a mulher, nenhuma registrou o momento do crime.  

De acordo com a vítima, o carro que ela usava para trabalhar e que foi levado pelo criminoso era novo. Ela e o marido compraram o veículo há apenas um mês. "A gente trabalhou bastante com o carro alugado. Tem um mês que a gente conseguiu comprar o nosso próprio". 

A Polícia Civil informou que o veículo está com alerta de furto/roubo, mas a vítima foi orientada a procurar a Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos para registrar o boletim de ocorrência. 

*Com informações da repórter Marla Bermudes, da TV Vitória/RecordTV

Últimas