Folha Vitória Mulher denuncia marido por agredi-la e também por bater na filha de um ano em Cariacica

Mulher denuncia marido por agredi-la e também por bater na filha de um ano em Cariacica

De acordo com relatos da vítima, uma jovem de 22 anos, as agressões não começaram agora e ele "bate na criança como se a menina fosse adulta"

Folha Vitória
Foto: Reprodução / TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um homem suspeito de agredir a companheira e a filha dela, de apenas um ano e sete meses, foi encaminhado ao Plantão Especializado da Mulher, em Vitória. A denúncia foi feita pela jovem de 22 anos que mora com o suspeito no bairro Nova Rosa da Penha 1, em Cariacica. O suspeito foi preso no supermercado em que trabalha, no mesmo município.

De acordo com a vítima, as agressões por parte do companheiro são constantes.  Ela contou à Polícia Militar que, no último domingo (6), ele teria batido na filha dela com um chinelo até deixar marcas pelo corpo da criança.

Com o aumento das agressões, a vítima decidiu pedir ajuda, mas o homem pegou o celular dela para que não se comunicasse com ninguém e também teria proibido a jovem de sair de casa.

As agressões voltaram a acontecer nesta terça-feira. A vítima também contou que desta vez as agressões foram ainda mais fortes e que o suspeito teria dado chutes na cabeça da menina. Assim que ele saiu de casa para trabalhar, a jovem conseguiu sair de casa e pedir ajuda a um vizinho. A mulher ainda contou que o homem "bate na criança como se a menina fosse adulta".

Assim que souberam da situação, os vizinhos da vítima acionaram a PM, que levou a jovem e a filha dela para o Hospital Infantil em Vitória. Segundo informações de funcionários do hospital, a criança teria dado entrada com hematomas na cabeça, nas costas, nos braços e no peito. Mais informações sobre o estado de saúde da criança, no entanto, não divulgados. A polícia informou que a mãe também estava com hematomas espalhados pelo corpo.

A jovem tem mais dois filhos, uma criança de 20 dias e uma outra de três anos. A polícia não confirmou se essas crianças também foram vítimas do suspeito, mas elas também foram encaminhadas ao hospital.

De acordo com a polícia, o suspeito será encaminhado ao Centro de Triagem de Viana. Além de confessar as agressões, o rapaz disse que batia na criança por ciúmes da companheira e pelo fato da criança lembrar um outro relacionamento que a jovem teve.

* Com informações da repórter Milena Martins, da TV Vitória/Record TV.

Últimas