Folha Vitória Mulher tenta matar nora a facadas e incendeia casa em Cariacica; vítima quebrou perna ao tentar fugir

Mulher tenta matar nora a facadas e incendeia casa em Cariacica; vítima quebrou perna ao tentar fugir

A Polícia Civil informou que a suspeita de 41 anos foi autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificada por motivo fútil e por causar incêndio

Folha Vitória
Foto: TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Uma briga entre sogra e nora terminou com uma casa incendiada em Campo Grande, Cariacica. Segundo a polícia, a mulher de 27 anos afirmou que a sogra entrou na residência com uma faca, na intenção de matá-la. A jovem  pulou as escadas para fugir e acabou quebrando a perna. Ela foi encaminhada para um hospital de Vitória

Testemunhas contaram que, por volta das 17h de quinta-feira (27), começaram a ouvir uma senhora, que se identificava como sogra da dona do prédio, pedindo para entrar. Ela ficou batendo no portão por alguns minutos, até que uma criança de 9 anos, que mora no local, resolveu abrir. 

Assim que subiu as escadas, a mulher foi direto para o último andar, onde mora a nora. A porta da casa estava aberta e não demorou muito para que os vizinhos começassem a ouvir os gritos e barulhos de objetos quebrando. 

Eles não souberam dizer o motivo da discussão, mas a polícia confirmou a versão da vítima de que a mulher teria entrado na residência para matá-la e começou a agredi-la. Enquanto a jovem se escondia em um apartamento vizinho, a mulher, tomada pela raiva, incendiou a residência. 

Ela procurou a nora, mas como não encontrou, arrombou a porta da frente do prédio e fugiu. O Corpo de Bombeiros e o Samu foram acionados e depois que a vítima já havia sido socorrida, a sogra voltou ao local procurando pelo filho, dizendo que só sairia de lá acompanhada dele. Segundo a polícia, ela ainda confessou todos os crimes e disse que a intenção era matar a nora e, em seguida, tirar a própria vida. 

Em nota, a Polícia Civil informou que a suspeita de 41 anos foi autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificada por motivo fútil e por causar incêndio, expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem. Ela foi encaminhada para o Centro de Triagem de Viana.

Últimas