Folha Vitória Mulheres da Serra alavancam negócios com aulas de empreendedorismo

Mulheres da Serra alavancam negócios com aulas de empreendedorismo

A capacitação é ofertada pela Junior Achievement (JA), instituição de ensino presente há mais de 20 anos no Espírito Santo

Folha Vitória
Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um grupo de 50 mulheres da Serra estão se reinventando e alavancando negócios por meio de aulas de empreendedorismo gratuitas. A capacitação é ofertada pela Junior Achievement (JA), instituição de ensino presente há mais de 20 anos no Espírito Santo.

Irene de Souza Pereira, de 53 anos, é uma dessas empreendedoras. Após trabalhar durante 15 anos como professora de educação infantil e fundamental na rede pública da Serra, ficou desempregada no início da pandemia.

Foi quando ela se reinventou e começou a fazer artesanato para sustentar a família, vendendo panos de prato e toalhas de rosto customizadas: "São coisas que as donas de casa gostam muito, mas antes de realizar o curso eu não tinha noção nenhuma de empreendedorismo ou gestão".

Quando começou a fazer os artesanatos, o filho mais velho de Irene sofreu um AVC e ela precisou interromper a produção. Enquanto ajudava na recuperação do rapaz, ela foi abraçada por um projeto social da Serra.

"Hoje, faço parte do grupo 'Empreendedorismo de Mulheres', onde recebemos aulas gratuitas de empreendedorismo. Eu estou me redescobrindo com essa oportunidade".

Capacitação e empreendedorismo

A capacitação é ofertada pela Junior Achievement (JA), instituição de ensino presente há mais de 20 anos do Espírito Santo, e que conta com apoio de parceiros como o Instituto Américo Buaiz.

Mais de 240 mil capixabas já participaram de programas de capacitação da JA, sendo a maior parte jovens de até 25 anos. Durante a pandemia, a instituição estendeu a oferta para mulheres de outras faixas etárias.

Elaine Lima, diretora executiva da instituição no Estado, conta que as novas vagas foram criadas para beneficiar um público novo e cada vez maior.

"Agora, estamos ofertando capacitação para mulheres que estão recomeçando e que enxergam no empreendedorismo uma oportunidade de se empoderar e de ganhar força. São mulheres que, muitas vezes, se encontram em situação de vulnerabilidade social, então são verdadeiras guerreiras", afirmou.

Devido à covid-19, a capacitação está ocorrendo somente no modelo online. As aulas começaram nesta semana e vão até o final da semana que vem.

Ateliê em casa

Ionara Franco também está fazendo a capacitação voltada para as mulheres da Serra. Há 3 anos, montou um ateliê em casa, onde faz bordados e peças de roupas para vender em diversas feiras.

"O meu objetivo era ser uma mãe empreendedora, poder acompanhar o crescimento da minha filha. Então eu abri o ateliê na minha casa com esse objetivo, e comecei a me capacitar para alavancar o meu negócio".

Eu enxerguei a necessidade de me capacitar, e hoje, por meio desse grupo, estou me descobrindo como empreendedora".

Com informações da repórter Fernanda Batista, da TV Vitória/Record TV.

Últimas