Folha Vitória Natal 2021: mais de 3 mil vagas temporárias devem ser abertas em todo o Espírito Santo

Natal 2021: mais de 3 mil vagas temporárias devem ser abertas em todo o Espírito Santo

Os segmentos que mais devem contratar são de vestuário, acessórios e supermercados

Folha Vitória
Foto: TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Faltam menos de três meses para o Natal. E o período de contratações temporárias para as festas de final de ano já começaram. Estima-se que até 3 mil vagas sejam abertas no comércio de todo o Estado. Os dados são da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Espírito Santo. 

De acordo com a Fecomércio, as vagas temporárias são disponibilizadas entre setembro e novembro, mas os lojistas vão manter as ofertas até a primeira quinzena de dezembro. Ainda segundo a Federação, a expectativa é que 20% dos trabalhadores temporários sejam efetivados.

Para os comerciantes, o Natal é a data comemorativa mais esperada do ano, perdendo apenas para o Dia das Mães. Os lojistas estão otimistas. Eles acreditam que as vendas natalinas deste ano superem as de 2020 em pelo menos 3,8%.

Com a ampliação da vacinação contra a covid-19 e a maioria dos municípios em risco baixo, os comerciantes já percebem um aumento de consumidores nas lojas, e acreditam que a procura aumente, ainda mais, a medida que o Natal for se aproximando.

O dono de uma loja de roupas masculinas voltada para executivos e eventos sociais, César Saad, viu o negócio ser afetado com as restrições impostas pela pandemia e, recentemente, percebeu que a procura voltou a crescer.

"Muitas pessoas no home office engordaram, perderam roupa e agora que estão voltando para trabalhar presencialmente, viram que estão precisando repor aquela demanda. A nossa loja aqui é de eventos sociais, casamentos, formaturas e festa de 15 anos. A gente está atendendo as pessoas que iriam casar e comemorar alguma celebração em 2020 e a demanda que já estava marcada para este ano", explicou o comerciante. 

Com a expectativa pelas vendas de fim de ano, o lojista contou que está com duas oportunidades de trabalho no estabelecimento, localizado na Praia do Canto, em Vitória, e que outras lojas do bairro estão fazendo o mesmo. 

"Nós estamos aproveitando o momento dessa retomada das vendas, muito em função dessa estabilidade que a vacinação deu. A gente sente mais segurança com as pessoas circulando para antecipar as contratações temporárias, que a gente faz na época de fim de ano. Geralmente, em nossa loja, essas contratações eram feitas em novembro e dezembro. Este ano, a gente já contratou em agosto e estamos com duas vagas para outubro. Uma para vendedor e outra para estoquista", finalizou César. 

No polo de modas da Glória, em Vila Velha, o aumento na movimentação também já começou a ser notado. 

De acordo com a associação que representa os 1200 lojistas, 50 vagas de trabalho temporários já foram abertas e todas para início imediato. 

"Nós acreditamos que com a vacinação, com todo mundo tomando já a segunda dose, realmente terá um movimento bem expressivo", disse a comerciante e presidente da Uniglória, Glenda Amaral. 

Glenda ainda destacou a abertura de vagas de empregos fixos. Para ela, essas contratações compravam o otimismo dos lojistas não apenas para o fim de ano, mas também para 2022. 

"Eles não estão preocupados só em contratar por três meses, que geralmente é o temporário, eles estão preocupados em realmente ter uma pessoa fixa por todo ano. Não só o final do ano, mas em todo o ano que vem. Formar uma pessoa, para que essa pessoa se torne um profissional" finalizou a presidente. 

Últimas