Folha Vitória Ocupação de leitos de UTI covid-19 chega a 95% no Espírito Santo

Ocupação de leitos de UTI covid-19 chega a 95% no Espírito Santo

A situação é preocupante em todo o estado. Na região metropolitana, a taxa é maior: 96,45%

Folha Vitória
Foto: Diego Simão/TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A taxa de ocupação dos leitos exclusivos para tratamento da covid-19 segue alta. Ao todo, a rede pública conta com 1.006 leitos para tratamento da doença em unidades de terapia intensiva, mas de acordo com o Painel de Ocupação de Leitos Hospitalares, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), cerca de 95% desses leitos estão ocupados. 

A situação é preocupante em todo o estado. Na região metropolitana, a taxa é maior: 96,45%. Isso significa que dos 647 leitos de UTI disponíveis, 624 estão ocupados. 

Na região central do Espírito Santo, ainda segundo o levantamento da Sesa, dos 91 leitos disponíveis, 85 estão ocupados. Uma taxa de 93,41%. Já nas regiões sul e norte, a taxa de ocupação é um pouco menor, ficando abaixo dos 91%. Isso não significa que a situação é menos preocupante, já que no sul são 17, e no norte, apenas 8 leitos vazios. 

Nas enfermarias, o cenário parece apresentar uma discreta melhora. A taxa de ocupação de leitos no estado é de 78,11%. Na região metropolitana, que concentra o maior número de pacientes internados em enfermarias, dos 524 leitos exclusivos para o tratamento da covid-19, 427 estão ocupados, ou seja, mais de 81% dos leitos. 

Rede Privada

Nos hospitais particulares a situação não é muito diferente. Segundo dados divulgados no Painel de Ocupação de Leitos Hospitalares, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), a taxa de ocupação de leitos de UTI é de quase 83%. 

Atualmente, a rede de hospitais particulares do Espírito Santo têm 416 leitos para tratamento exclusivo da covid-19 disponíveis, sendo 169 de terapia intensiva e 247 de enfermaria. 

Dos 37 hospitais privados que existem no Estado, apenas 20 enviaram os dados de ocupação dos leitos para a Secretaria de Saúde. 

Últimas