Folha Vitória Onda de assaltos assusta proprietários e funcionários de farmácias na Grande Vitória

Onda de assaltos assusta proprietários e funcionários de farmácias na Grande Vitória

Em um intervalo de poucos dias, 5 crimes foram cometidos nesses comércios

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Imagem ilustrativa

O setor farmacêutico na Grande Vitória está em alerta! Os assaltos frequentes têm tirado a tranquilidade dos proprietários e funcionários que trabalham nos estabelecimentos. Só na última semana, várias farmácias foram alvos dos bandidos.

Em um intervalo de poucos dias, 5 crimes foram cometidos nesses comércios. O primeiro deles aconteceu em uma farmácia no bairro Bento Ferreira, em Vitória, no dia 8 de janeiro. A guarda municipal perseguiu o assaltante, que acabou preso depois de se envolver em um acidente na Praia do Suá. 

Dois dias depois, uma drogaria em Jardim da Penha também foi alvo dos criminosos.  Os funcionários ficaram trancados no banheiro. Não satisfeitos, os ladrões seguiram para uma segunda farmácia no mesmo bairro e praticaram um novo assalto. 

No dia 16 de janeiro, seis criminosos agiram em uma farmácia que fica na Reta da Penha. A guarda municipal prendeu três deles e conseguiu recuperar alguns itens, como dinheiro e celulares. 

No dia 20 de Janeiro a ação foi em uma farmácia de Vila Velha, no bairro Jardim Asteca. Cinco funcionários de uma cliente ficaram sob a mira da arma de um criminoso. 

Já no dia 5 de Fevereiro, Jardim da Penha se tornou alvo outra vez. Uma dupla chegou em uma moto e rendeu os funcionários de uma farmácia.

Um proprietário de farmácia disse que a falta de policiamento e o fato dos estabelecimentos funcionarem durante a noite acabam facilitando a ação dos bandidos, o que acaba deixando um trauma para as vítimas dessa violência.

O presidente do sindicato das empresas disse esperar que as autoridades possam ajudar o setor, que sofre com prejuízos, além do trauma psicológico. 

A Polícia Civil disse que sempre que as vítimas registram as ocorrências, os casos são investigados. Já a Polícia Militar informou que realiza o patrulhamento preventivo em todo o bairro de Jardim da Penha, assim como nos demais locais onde houve registro de assalto, além de ações como cercos táticos, visitas tranquilizadoras e abordagens. A PM reforça a importância da população usar o Disque-Denúncia 181 em caso de qualquer atitude suspeita.

*Com informações do repórter Alex Pandini, da TV Vitória/ RecordTV

Últimas