Ônibus do Hemos circula pelo ES; veja a lista dos municípios

Doação é rápida, não deixa o indivíduo fraco e são retirados apenas 450 ml de sangue; uma única doação pode salvar até quatro vidas

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Homens podem doar a cada 2 meses e no máximo 4 por ano; mulheres a cada 3 meses e no máximo 3 por ano. 

É incontestável que a doação de sangue é importantíssima para salvar vidas. Quando coletado, o sangue é separado em hemoglobina, plaquetas e hemácias, e pode salvar até três vidas. A doação é rápida, não deixa o indivíduo fraco e são retirados apenas 450 ml de sangue. 

"O sangue não tem substituto industrial, não tem como fabricar. O material é separado em diferentes hemocomponentes: concentrado de hemácias (glóbulos vermelhos), concentrado de plaquetas, plasma e crioprecipitado”, comenta Melissa Bosi, hematologista do Cecon. 

O ônibus de Coleta Externa do Hemocentro do Espírito Santo (Hemoes) visitará quatro cidades do Estado durante o mês de outubro. Além da coleta de doações de sangue, também será realizado o cadastro de medula óssea.

Programação 

A primeira parada será nessa sexta-feira (04) no município de Mimoso do Sul. O veículo estará na Rua Colina Araribóia, Centro, das 7h30 às 12h30.

Na próxima quarta-feira (09), será a vez de Vila Velha. A unidade ficará na Av. Jones dos Santos Neves, nº 5000, Itaparica, das 9h às 14h. Depois a unidade móvel do Hemoes seguirá para Guaçuí, na Rua Senador Atílio Vivácqua, 163, Centro, onde atenderá a população na sexta-feira (18), das 7h30 às 12h30.

Já no dia 23 de outubro, o ônibus estaciona na cidade de Cariacica. A população poderá realizar as doações das 8h30 às 13h30 na Av. Mario Gurgel, 2502, bairro Alto Lage.

Quem pode doar

Para ser doador é preciso ter entre 16 e 69 anos. A primeira doação deve ser feita obrigatoriamente até os 60 anos. Menores de 18 anos só podem doar com a autorização dos responsáveis legais. Todo doador deve apresentar documento original com foto.

Confira alguns mitos e verdades, explicados pela médica, que geram dúvidas na população quando o assunto é doação de sangue.

A doação de sangue engrossa ou afina o sangue?

A doação de sangue não engrossa nem afina o sangue. O que acontece é que o organismo leva um tempo para recuperar os componentes sanguíneos.

É preciso estar em jejum para doar?

A recomendação para o voluntário é que tenha feito uma alimentação mais leve nas últimas três horas pelo menos.

Tenho direito à folga todas as vezes que doar sangue?

O doador tem direito a um dia de folga a cada 12 meses de trabalho, em caso de doação voluntária de sangue devidamente comprovada.

Período menstrual afeta a doação?

A menstruação não impede a doação. O que determina a possibilidade ou não de doar, é o teste de anemia feito em todos os doadores na triagem.

Requisitos para ser um doador

- Ter idade mínima de 16 anos e máxima de 69 anos;

- Pesar no mínimo 50 kg;

- Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;

- Não ingerir bebidas alcoólicas nas 24 horas que antecedem a doação;

- Estar bem de saúde, sem gripe, resfriado ou febre há, no mínimo, 7 dias;

- Não estar em período de gravidez ou amamentação;

- Não ter feito tatuagem ou piercing nos últimos 6 meses (piercing na boca ou na genitália impedem definitivamente a doação);

- Não ter feito uso de drogas injetáveis;

- Não ter visitado regiões onde há surto de febre amarela nas últimas quatro semanas;

- Não ter tido relação sexual em que tivesse risco de doenças sexualmente transmissíveis nos últimos 12 meses;

Orientações após a doação

- Repouso de 15 minutos para evitar mal-estar;

- Beber bastante líquido;

- Evitar esforço físico exagerado por 12 horas, especialmente com o braço utilizado na doação;

- Se tiver febre, diarreia ou outro sintoma de doença infecciosa até sete dias após a doação, comunicar imediatamente ao banco de sangue;

Frequência de doações

- Homens a cada 2 meses e no máximo 4 por ano;

- Mulheres a cada 3 meses e no máximo 3 por ano;

Bancos de Sangue

Para saber os endereços dos bancos de sangue no Espírito Santo clique aqui