Folha Vitória Operação com foco em praias, comércios e pontos de aglomeração começa no ES

Operação com foco em praias, comércios e pontos de aglomeração começa no ES

Serão 900 policiais atuando nos principais pontos comerciais e praias em todo Espírito Santo, além de um reforço com 340 viaturas em atividade por dia

Folha Vitória
Foto: reprodução/sesp
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Nesta terça-feira (15), a Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social  anunciou a Operação Natal e Verão que terá foco no comércio, praias e pontos de aglomeração. Segundo a Sesp, o objetivo é minimizar as ocorrências comuns nesta temporada e aumentar, também, a fiscalização no combate à covid-19. 

A operação Natal teve início nesta terça-feira (15) e segue até o dia 24 de dezembro. De acordo com o comandante da Polícia Militar, Coronel Douglas Caus, serão 900 policiais atuando nos principais pontos comerciais e praias em todo Espírito Santo, além de um reforço com 340 viaturas em atividade por dia. 

"Nosso foco é levar tranquilidade e segurança para todos que estejam se dirigindo para estes centros comerciais em todo estado do Espírito Santo", explicou.

Já a operação Verão, terá início no dia 26 de dezembro e continuará até o dia 21 de fevereiro de 2021. Neste período, serão 735 policiais atuando diariamente em 240 viaturas. Segundo o Coronel Caus, a atuação será focada no litoral capixaba. "Nós almejamos garantir a segurança daqueles que se dirigirem ao nosso litoral, já que há um aumento razoável de população neste período", disse.

De acordo com a Secretaria de Segurança, em ambas operações, a polícia militar, polícia civil, corpo de bombeiros e a polícia rodoviária federal estarão trabalhando de forma integrada. A atuação contará com blitz, policiamento ostensivo e o patrulhamento da orla.

Aglomeração e Fiscalização

Outra preocupação do Governo do Espírito Santo para este período é com o aumento de pontos de aglomeração. Segundo a Sesp, os esforços integrados das forças de segurança irão atuar para evitar focos de contágio.

O corpo de bombeiros irá atuar no patrulhamento das praias e em áreas comerciais para coibir a aglomeração. Além disso, os bombeiros irão atuar em salvamentos, apoio aos chamados da defesa civil. Para isso, a corporação contará com o reforço de 30 bombeiros militares e mais de 700 guarda-vidas civis, com atuação na orla de 14 municípios. 

Haverá pontos com blitz em diversas cidades do estado. A operação sob planejamento do Detran/ES, visa reforçar a fiscalização e coibir infrações e ilícitos relacionados ao trânsito e aos veículos. Além disso, as blitz pretendem reforçar a "Lei Seca".  

Últimas