Operação Patrem: 26 pessoas são presas durante ação conjunta das forças de segurança

Os policiais apreenderam drogas, armas e aproximadamente R$ 10 mil em dinheiro

Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O Ministério Público Estadual (MPES), juntamente com as Polícias Militar e Civil, realizaram a Operação Patrem em cidades da Grande Vitória. A ação resultou na prisão de 26 pessoas suspeitas de tráfico de drogas.

Os policiais apreenderam drogas, armas e aproximadamente R$ 10 mil em dinheiro. Os mandados de prisão foram expedidos após cinco meses de investigação por parte do MPES.

O promotor de Justiça e coordenador do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO), Thiago Pinhal, disse que as investigações para saber a participação de cada um dos presos no esquema de tráfico de entorpecentes devem ser encerradas em 10 dias.

Para o Secretário Estadual de Segurança Pública, coronel Alexandre Ramalho, a união das forças de segurança é importante para desarticular o crime organizado. "Nós ganhamos uma potencialidade muito maior com a qualidade técnica apresentada no resultado final dessas operações. A integração com o MPES é muito importante. As Polícias Militar e Civil estarão sempre a disposição do Ministério Público", afirmou.

Com informações da repórter Milena Martins, da TV Vitória/Record TV.