Pandemia provoca queda em consultas urológicas

O levantamento que foi feito pela Sociedade Brasileira de Urologia mostra o cenário em pleno Novembro Azul

Folha Vitória

Devido à pandemia do novo Coronavírus, o número de exames de Antígeno Prostático Específico (PSA) e de biópsia da próstata caiu em 27% e 21% respectivamente, isso por conta do receio de contaminação gerado pela crise sanitária em 2020, conforme aponta levantamento realizado pela Sociedade Brasileira de Urologia (SBU). O câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, tendo incidência estimada acima de 65 mil novos casos por ano, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), por isso os impactos da baixa de consultas prejudicam o diagnóstico precoce e, consequentemente, o tratamento eficaz da doença.

Segundo a SBU, a detecção antecipada pode aumentar em 90% as chances de cura do câncer de próstata, sendo essencial para um tratamento bem-sucedido. Apesar da evolução silenciosa da doença na fase inicial, a atenção aos sintomas como dificuldade para urinar, diminuição do jato da urina, aumento na frequência mictória durante o dia ou à noite e até a presença de sangue na urina podem acender um importante alerta para homens acima dos 50 anos. Além dos sinais, outro fator que pode aumentar significativamente a incidência e mortalidade da doença é o histórico familiar, por isso estar atento aos sintomas facilita a identificação prévia do câncer e eleva as chances de eficácia do tratamento.

Assim como o diagnóstico precoce é importante para a sobrevida do paciente, ter o acompanhamento de um profissional especialista em Urologia é fundamental. “O Oncologista acaba tratando um paciente em doença metastática, mas a saúde do homem como um todo é cuidada pelo Urologista que o assiste desde a triagem e diagnóstico até o tratamento”, lembra o Urologista, Dr. Fernando Croitor. O médico, formado em 1997 pela UNESP, é também membro titular da Sociedade Brasileira de Urologia e atua na Clínica Miletto, referência em Brasília/DF.

Entre os casos inspiradores, a história de um dos pacientes do Dr. Croitor chamou a atenção. O CEO do Só Notícia Boa (SNB), Rinaldo de Oliveira, foi diagnosticado com carcinoma prostático em agosto e passou por cirurgia de retirada da próstata dois meses depois. “Fui identificado, fiz a cirurgia e tudo indica que nos livramos do câncer”, comentou. Durante entrevista ao vivo nas redes sociais do portal, o paciente conversou com o médico sobre o processo de recuperação e desmistificou tabus sociais. Na live transmitida no mês mundial de combate ao câncer de próstata, Rinaldo acrescentou ainda que trazer à tona sua saúde pessoal tem um propósito de auxiliar outros homens a se cuidarem. “Eu não tenho vergonha de falar da calça plástica, do absorvente masculino ou da sonda. Pois tudo isso faz parte da minha cura e eu preciso ter orgulho disso”.

A campanha Novembro Azul tem um papel importantíssimo na vida dos homens, já que promove um movimento de conscientização sobre a prevenção por meio da detecção precoce da doença. “A cada ano conseguimos dar mais espaço para a pauta do câncer de próstata, mostrando que existe cura para os pacientes que são diagnosticados prematuramente, afinal os números de baixa procura por acompanhamento da saúde do homem precisam cair”, finaliza o Dr. Fernando Croitor.

Últimas