Folha Vitória `Piúma proíbe festas, blocos, bailes de Carnaval e caixas de som nas praias para evitar aglomerações

`Piúma proíbe festas, blocos, bailes de Carnaval e caixas de som nas praias para evitar aglomerações

Venda de bebidas alcoólicas sofrerá restrição de horário e consumo em área pública está proibido; cidade registra 1557 casos confirmados e 45 mortes por covid-19

Folha Vitória
Foto: Deidson Ribeiro
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Piúma decidiu proibir festas, batucadas, blocos de rua e desfiles durante o Carnaval deste ano. A determinação está num decreto publicado pela prefeitura pelo município nesta quinta-feira (04). As novas regras seguem as recomendações da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) para que não haja estímulo de aglomerações durante os dias de folia devido à pandemia de coronavírus.

Além da suspensão dos shows e atividades culturais, os bares, restaurantes, lojas de conveniência e distribuidoras de bebidas alcóolicas poderão funcionar de segunda a sábado até às 22h e aos domingos até `às 16h. Esses horários serão válidos se o município não for classificado como risco alto para covid-19. 

O consumo de bebidas está proibido em área pública como calçadões, ruas e praias. Também nas praias, usar equipamentos de som não será permitido. Caso haja insistência, o equipamento será recolhido pela equipe de fiscalização e o responsável poderá ser multado em R$ 2 mil. 

A Cidade das Conchas informa que irá manter o ponto facultativo para o Carnaval, entre 15 e 17 de fevereiro, acompanhando também o decreto do Governo do Estado. Pelo último mapa de risco elaborado pela Sesa, em 30 de janeiro, Piúma está em risco moderado. Até o momento, a cidade de 22 mil habitantes registrou 1557 casos confirmados e 45 mortes pela covid-19. 

Últimas