Folha Vitória Polícia Civil concluí inquérito sobre a chacina na ilha; seis pessoas foram indiciadas

Polícia Civil concluí inquérito sobre a chacina na ilha; seis pessoas foram indiciadas

Policia diz que assassinos descobriram que as vítimas não eram de grupo rival antes de atirar e matar quatro delas

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A Polícia Civil concluiu o inquérito sobre a chacina na Ilha Dr. Américo de Oliveira, em Vitória. Ao todo, seis pessoas foram indiciadas e, se condenados, cada suspeito poderá pegar uma pena de até 50 anos de prisão.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, José Darcy Arruda, o grupo de jovens estava no local apenas por lazer e não estava envolvido em nenhuma atividade criminosa. Segundo ele, os assassinos descobriram que as vítimas não eram de grupo rival e, mesmo assim, assassinaram os jovens.

Chacina

O crime aconteceu no dia 28 de setembro. Segundo as investigações, as vítimas tinham ido ao local apenas para passar o dia, quando foram abordadas pelos criminosos. Antes de serem alvejados, os jovens foram agredidos e torturados durante trinta minutos. Um dos suspeitos ainda fez uma ligação do celular de uma das vítimas após o crime. Os executores ainda tentaram fazer com que um adolescente assumisse toda a culpa.

Ao todo, 4 jovens foram assassinados: Pablo Ricardo Lima, Wesley Rodrigues de Souza,  Vitor da Silva Alves e Yuri Carlos de Souza. Outros dois homens que estavam com o grupo conseguiram sobreviver.

*Com informações da repórter Suellen Araújo / TV Vitória

Últimas