Folha Vitória Presos suspeitos de assassinar vereador do Sul do Espírito Santo

Presos suspeitos de assassinar vereador do Sul do Espírito Santo

O vereador Marcos Augusto Costalonga (PL), de 49 anos, foi morto a tiros no município de Presidente Kennedy

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A polícia prendeu os suspeitos de envolvimento na morte do vereador Marcos Augusto Costalonga (PL), assassinado em maio de 2021 no Sul do Espírito Santo. A prisão aconteceu durante a Operação Estado Presente, nesta quinta-feira (29).

O vereador conhecido como Marquinhos da Cooperativa, de 49 anos, foi morto a tiros. O carro usado no crime foi encontrado incendiado quatro dias após o crime no município de Presidente Kennedy. 

De acordo com a Polícia Civil, foram cumpridos mandados de prisão temporária.

O delegado titular da Delegacia de Presidente Kennedy, Thiago Viana, afirmou que foi comprovada a presença dos suspeitos no dia do assassinato. 

"Na verificação, vimos que os indivíduos praticavam vários crimes em diversos locais. E verificamos também a presença deles no município de Presidente Kennedy. Foi confirmado que um deles estava na cidade no dia da morte e da queima do veículo."

O vereador do PL estava em seu primeiro mandato. A Polícia Civil descartou o crime de latrocínio, que é roubo seguido de morte e não divulgou o nome dos presos e detalhes sobre a investigação. Será investigado ainda quem foi o mandante e a motivação do crime. 

Polícia investiga motivação do crime

"Não podemos afirmar se foi homicídio ou latrocínio, pois não sabemos a motivação do crime. Ainda não temos confirmado. Somente na segunda fase da investigação que poderemos confirmar", afirmou o delegado. 

No dia 1º de junho, o vereador Jhonatan Mota publicou nas redes sociais uma sobre uma Sessão Ordinária realizada em homenagem a Marcos Costalonga. Na ocasião, ele inicia a sessão relembrando o acontecimento.

"No dia de hoje, uma sessão totalmente diferentes. Sem a alegria e disposição do nosso amigos Marcos Costalonga. Chegava sempre sorrindo trazendo uma alegria diferente para essa casa de leis". 

Últimas