Folha Vitória Projeto abre inscrições para aulas online de dança afro-brasileira. Saiba como participar!

Projeto abre inscrições para aulas online de dança afro-brasileira. Saiba como participar!

Para realização das atividades online, serão fornecidos aos usuários que não têm acesso à Internet um chip e uma recarga semanal

Folha Vitória
Foto: Matheus Moraes | Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A expressão corporal estimula a criatividade e colabora para o desenvolvimento das potencialidades humanas e de suas relações com o mundo, promovendo uma melhora na autoestima dos praticantes. Pensando nos benefícios da manifestação artística, a Estação Conhecimento de Serra lança o Projeto Online de Dança Afro-Brasileira Badu. A iniciativa é voltada para adolescentes que tenham interesse em aprender mais sobre conhecimentos teóricos e práticos de dança. As inscrições se encerram no próximo dia 12 de fevereiro de 2021 e devem ser feitas pelo site da Estação.

Inicialmente as oficinas terão 50 vagas, divididas em turmas de manhã ou à tarde, que serão aplicadas de forma remota, em função dos protocolos de prevenção à Covid-19. Para participar é necessário que o aluno(a) seja morador(a) do município da Serra e tenha entre 12 e 17 anos e 11 meses incompletos.

Objetivo

O Projeto Badu tem o objetivo de oferecer ao adolescente a possibilidade de se reencontrar, refletindo em sua expressão corporal e em seu comportamento todas as dificuldades, angústias, tensões e adaptações impostas pela vida, considerando as relações interpessoais e outros segmentos da vida social. 

De acordo com a diretora da Estação Conhecimento de Serra, Ana Angélica Motta, a iniciativa nasce da demanda dos adolescentes na discussão sobre diversidade e gênero. 

“Entre essas demandas destacam-se principal mente o debate sobre racismo e as questões relacionadas à expressão e relações com o corpo. Por isso a escolha do nome, que tem muito significado neste contexto”, observa Ana, lembrando que Badu, no vocabulário africano, significa “criança que continua evoluindo, visando preservar a criança interior, trazendo em seu significado alguém forte e poderoso”, disse.

Metodologia

Para realização das atividades online, serão fornecidos aos usuários que não têm acesso à Internet um chip e uma recarga semanal no valor de até R$ 25,00, mediante avaliação da equipe psicossocial. Quem tiver aparelho celular participará da aula em grupo. 

Caso o aluno não tenha celular as aulas serão gravadas e enviadas aos responsáveis para o participante realizar a atividade. “É importante mencionar que o adolescente que não tiver celular não será excluído do projeto, uma vez que a oportunidade é para todos”, garante Ana Angélica.

Como participar

Projeto de Dança Afro-brasileira Badu

Requisitos:

Ser morador(a) do município de Serra
Ter entre 12 e 17 anos e onze meses incompletos
Ser estudante de escola pública ou bolsista 100% na rede particular Vagas: 50
Inscrição: Pré-inscrição: Até 12/02/2021 (ou enquanto durarem as vagas)
Turmas: de manhã ou à tarde, inicialmente de forma virtual, às terças, quintas e sextas, com 1h30 de aula por dia.

Últimas