Folha Vitória Protesto: duas garagens do Transcol e do sistema municipal de Vitória continuam fechadas

Protesto: duas garagens do Transcol e do sistema municipal de Vitória continuam fechadas

Rodoviários afirmam que estão sem receber os pagamentos desde janeiro, quando receberam apenas o adiantamento relativo ao mês.

Folha Vitória
Foto: Pollyana Martinelli/TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Protesto acontece desde quarta-feira (14)

Os funcionários das empresas Metropolitana, que opera o sistema Transcol, e Tabuazeiro, do sistema municipal de Vitória, cruzaram os braços mais uma vez, nesta quinta-feira (15). Pelo segundo dia consecutivo, eles não saíram com os veículos das garagens em sinal de protesto contra o atraso no pagamento de salários.

Segundo informações dos rodoviários, os funcionários estão sem receber os pagamentos desde janeiro, quando receberam apenas o adiantamento relativo ao mês. Eles ainda afirmam que a mensalidade do plano de saúde é descontada, mas não conseguem ser atendidos quando precisam de alguma consulta ou exame.

Os rodoviários alegam que a situação de atraso acontece, pelo menos, há três anos. Em 2020, várias manifestações do tipo foram realizadas na frente das garagens. Os funcionários afirmam que em um acordo realizado com a empresa, ficou definido que os pagamentos em atraso, referentes ao ano passado, seriam pagos em 10 parcelas, juntamente com os salários. No entanto, não houve depósitos.

A paralisação está impactando a circulação de diversas linhas, tanto do Transcol, quanto do sistema municipal de Vitória.

Últimas