Folha Vitória Radar móvel começa a ser utilizado na Grande Vitória

Radar móvel começa a ser utilizado na Grande Vitória

Além do excesso de velocidade, o dispositivo também será utilizado para detectar restrição e furto e roubo, clonagem, uso de celular na direção, dentre outras infrações

Folha Vitória
Foto: Reprodução / TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Com o intuito de flagrar motoristas em alta velocidade e detectar ainda mais imprudências nas rodovias da Grande Vitória, a Polícia Militar começou a utilizar o radar móvel.

Mais do que punir motoristas, o objetivo do novo dispositivo é evitar tristes relatos como de Erina Pereira da Silva Rodrigues, mãe do motoboy Gabriel Rodrigues da Silva. 

Ele trabalhava como entregador de lanches e morreu aos 23 anos após ser atingido por um carro desgovernado na Rodovia do Sol, em Vila Velha.

O caso aconteceu em maio deste ano e gerou revolta e vários protestos foram realizados. Atualmente, a mãe do jovem sofre de ansiedade. Ela ainda vive o luto e a sensação de impunidade contra quem causou a morte do filho.

"O carro estava cheio de multas por excesso de velocidade. O cara atropela meu filho, vai para o hospital, diz que sofreu um acidente e que não sabia que atropelou uma pessoa, sendo que ele levou uma moto com ele", contou a mãe do jovem.

Operação Rodovia Legal

Tendo em vista o número de casos como do motoboy Gabriel e o alto número de outros acidentes nas rodovias, o Batalhão de Trânsito está promovendo uma operação para frear a imprudência nas vias.

"O Batalhão de Trânsito está realizando a operação Rodovia Legal que visa orientar e coibir infrações e condutas que possam comprometer a segurança viária e o nosso objetivo principal é  reduzi o numero de sinistros de trânsito e dessa forma salvar vidas", afirmou o tenente coronel Fonseca.

O objetivo é flagrar todo tipo de irregularidade como restrição e furto e roubo, clonagem, condutores que dirigem sem usar o cinto de segurança ou usam celular no volante, além de veículos em excesso de velocidade ou em mal estado de conservação.

Foto: Reprodução / TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória
Radar móvel

Um dos instrumentos mais eficazes nessa fiscalização é o radar móvel, que a partir desta quarta-feira (04), será utilizado nas estradas, principalmente nas regiões com mais registro de ocorrências.

"O radar portátil é um equipamento que registra e detecta a imagem do veículo e a velocidade que ele está naquele momento. Nestes locais, em que a ação ocorre, foram escolhidos após um estudo do batalhão que indicou possíveis locais de acidente, bem como uma constante ocorrência de excesso de velocidade", disse o tenente.

Os dias e horários da operação não são fixos e nem serão divulgados. A estratégia visa surpreender e punir o mal condutor.

Para quem já foi vítima da irresponsabilidade no volante, a dor da perda é por nada trazer de volta uma vida.

"A pergunta que eu quero fazer às autoridades é até quando a minoria, a classe média, a classe alta, vai cometer acidentes e vai sair impune", disse a mãe do motoboy atropelado.

Segundo a polícia, o condutor do carro que atingiu a moto de Gabriel tem 25 anos e já foi identificado. Apesar disso, a família não sabe se ele vai responder pela morte do jovem.

A Polícia Civil informou que o inquérito policial foi encaminhado à Justiça com solicitação da ampliação do prazo de investigação. A delegacia especializada de delitos de trânsito aguarda resultados de laudo pericial da Polícia Civil.

* Com informações da repórter Nathalia Munhão, da TV Vitória/Record TV.

Últimas