Rodoviários chegam ao 6º dia de paralisação; confira as linhas afetadas

Trabalhadores reclamam de atrasos no pagamento de salários; apenas 30% da frota da empresa Metropolitana vai circular nesta terça-feira (25)

Foto: Nathália Munhão
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Rodoviários da Viação Metropolitana continuam com a paralisação, iniciada desde a última semana, por conta de atrasos salariais. De acordo com os trabalhadores, apenas 30% da frota da empresa vai circular nesta terça-feira (25). 

O número é inferior ao que pede a liminar do Tribunal Regional do Trabalho do Espírito Santo (TRT-ES), expedida no último sábado, que obriga a manutenção de pelo menos 60% da frota da operadora em circulação.

De acordo com a Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Estado do Espírito Santo (Ceturb-ES), as linhas afetadas pela paralisação dos rodoviários estão sendo remanejadas para outras empresas. Porém, nos terminais e pontos de Vila Velha, os usuários do transporte público têm reclamado de atrasos e ônibus cheios.

Confira as linhas afetadas pela paralisação:

500 - Terminal de Vila Velha - Terminal de Itacibá
672 - Trevo de Setiba - Terminal de Vila Velha
525 - Terminal de Vila Velha - Terminal de Itacibá
514 - Terminal do Ibes - Terminal de Vila Velha
518 - Terminal de Carapina - Terminal do Ibes
526 - Terminal de Campo Grande - Terminal de Vila Velha

Reclamações dos funcionários

Os trabalhadores da viação Metropolitana afirmam que vão continuar com a paralisação enquanto os pagamentos não forem regularizados. Segundo Carlão, diretor do Sindicato dos Rodoviários do Espírito Santo, a empresa ainda deve aos rodoviários os salários de julho e o adiantamento de agosto.

A Viação Metropilitana informou que está negociando com os trabalhadores.

* Com informações da repórter Nathália Munhão, da TV Vitória / Record TV