Folha Vitória Sem nota fiscal: 1,3 mil garrafas de vinho avaliadas em R$ 190 mil são apreendidas em Vila Velha

Sem nota fiscal: 1,3 mil garrafas de vinho avaliadas em R$ 190 mil são apreendidas em Vila Velha

Segundo a Sefaz, a autuação da empresa ainda está sendo calculada, mas está estimada em R$ 75 mil

Folha Vitória
Foto: Divulgação / Sefaz
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A Secretaria da Fazenda (Sefaz) apreendeu um lote de vinhos nacionais e importados avaliado em R$ 190 mil. Cerca de 1.307 garrafas estariam sendo vendidas sem nota fiscal no Espírito Santo. 

Os produtos foram localizados pelos auditores fiscais em uma empresa no município de Vila Velha. Segundo a Sefaz, a autuação da empresa ainda está sendo calculada, mas está estimada em R$ 75 mil.

 “Os sistemas desenvolvidos pelos auditores fiscais nos ajudam muito nesse combate à sonegação. Certamente continuaremos utilizando a tecnologia disponível para chegar a outros envolvidos nesse esquema”, disse o auditor Ricardo Resende.

Leia também: Em três anos, capixaba precisou trabalhar mais 30 horas para comprar cesta básica

De acordo com Ricardo, o Espírito Santo tem uma grande demanda de ocorrências no setor de bebidas, por conta disso, é de extrema importância a fiscalização nas empresas.

“Aqui no Estado temos uma concorrência muito grande no setor de bebidas e é importante que a Receita Estadual fiscalize e puna as empresas que não trabalham corretamente. Dessa forma, estamos combatendo a concorrência desleal e preservando o emprego daquelas pessoas que trabalham nas empresas que cumprem com suas responsabilidades”, disse o auditor. 

Leia também: Privatização da Codesa no ES recebe duas propostas para leilão

Últimas