Folha Vitória Suspeito de espancar menina de 5 anos até a morte tem prisão convertida em preventiva

Suspeito de espancar menina de 5 anos até a morte tem prisão convertida em preventiva

De acordo com a polícia, o homem é principal suspeito do crime

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O padrasto da menina de 5 anos espancada até a morte dentro de casa, em Cidade Nova da Serra, teve a prisão em flagrante convertida pela Justiça em preventiva, quando não há tempo definido. O principal suspeito do crime vai aguardar o julgamento preso. 

Na manhã desta terça-feira (20), a mãe da criança esteve no Departamento Médico Legal de Vitória para liberar o corpo da filha. Abalada, a jovem, de 23 anos, contou com o amparo de amigos e familiares. 

Segundo a Polícia Civil, durante os procedimentos médicos na unidade, os profissionais encontraram vários hematomas na cabeça, na barriga e nas mãos da criança. O corpo da menina foi enterrado na tarde desta terça-feira (20). 

Em depoimento, a mãe contou que saiu de casa para ir até uma autoescola e deixou a menina aos cuidados do companheiro. 

De acordo com a polícia, o homem é principal suspeito do crime e foi ele a última pessoa a ter contato com a criança. Após o ocorrido, o suspeito foi levado para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Vitória, onde prestou depoimento. 

O homem é aposentado por invalidez por ter perdido uma mão durante um acidente de trabalho. O padrasto foi autuado por homicídio qualificado por motivo fútil com impossibilidade de defesa da vítima.

*Com informações da repórter Suellen Araújo, da TV Vitória/Record TV. 

Últimas