Folha Vitória Temperatura cai no ES e cuidados com a saúde precisam ser reforçados

Temperatura cai no ES e cuidados com a saúde precisam ser reforçados

Inmet emitiu alerta laranja para onda de frio em todo o Estado, veja como cuidar da saúde e evitar problemas respiratórios

Folha Vitória
Foto: Divulgação / Pexel
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O mês de julho começou mais frio em todo o Espírito Santo, e se astemperaturas caíram, os agasalhos saíram do armário. Mas além de se agasalhar, é importante  ficar alerta às doenças respiratórias, principalmente em tempos de pandemia. 

O Insituto Nacional de Meteorologia (Inmet) mantém o alerta laranja de onda de frio válido a partir de quarta-feira (30) em quase todo o Brasil. A massa de ar frio em atuação desde o início desta semana é considerada a mais intensa do ano até o momento.

As crianças e idosos são os mais afetados neste períoso. De acordo com a pneumologista Jéssica Polese, quando a queda de temperatura é brusca os casos tendem a se agravar.

“As infecções surgem, e rinite e asma são as primeiras a acometer quem sofre com o problema”, explica. “Além disso, é preciso estar atento às crianças, que são muito suscetíveis a gripes e alergias, como bronquites”, ressalta.

A pandemia de covid-19 é um agravante, por isso é preciso cuidado redobrado para evitar aglomerações, principalmente em locais fechados. “Se uma pessoa estiver gripada, ou com alguma alergia e a outra com a imunidade baixa, o contágio é certo e há o risco de contrair o vírus”, destaca a especialista.

Os idosos demandam ainda mais cuidados, já que são mais frágeis e podem ter outras doenças. Com o sistema imunológico debilitado, uma gripe por exemplo pode tornar-se pneumonia, com o clima mais frio. “É preciso ficar atento e agasalhar bem todo mundo”, explica Jéssica.

As principais doenças respiratórias no inverno são pneumonia, gripe, asma, rinite e bronquite. Para auxiliar na prevenção, além de evitar aglomerações, principalmente em locais fechados, beba muita água, mantenha- se hidratado, deixe ambientes arejados, evite fumar ou proximidade com fumantes.

Últimas