Folha Vitória Veja quais são os alimentos que ajudam a melhorar a visão

Veja quais são os alimentos que ajudam a melhorar a visão

A diminuição da frequência do piscar em atividades de alta concentração gera um ressecamento da superfície ocular o que pode ocasionar em ardência e lacrimejamento

Folha Vitória
Foto: Divulgação
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Você já ouviu falar em síndrome do olho seco? De acordo com especialistas, a pandemia aumentou o número de queixas de olho seco e fadiga ocular, problemas causados pelo uso exagerado de telas e pela realização de atividades para perto, como leitura.

Passar muito tempo em frente à computadores, tablets e smartphones, por exemplo, pode gerar um “cansaço visual” e trazer problemas relacionados aos olhos.

De acordo com o oftalmologista do Hospital de Olhos de Vitória Rafael de Paiva Oliveira, dores de cabeça, lacrimejamento, ardência e perda de foco estão entre as queixas mais comuns no consultório. 

Dor de cabeça é sintoma mais comum

A diminuição da frequência do piscar em atividades de alta concentração gera um ressecamento da superfície ocular o que pode ocasionar em ardência e lacrimejamento. Colírios lubrificantes podem ser prescritos para auxiliar na redução destes sintomas.

“As dores de cabeça e a perda de foco, geralmente são causadas pelo excesso de atividades tanto de perto quanto intermediária (telefone e computador, respectivamente). Isso porque a musculatura do olho responsável por “ganhar grau” e “dar o foco da visão” é muito exigida e simplesmente fadiga com a atividade excessiva. Por isso é muito importante realizar pausas durante esses momentos de grande exigência da visão. O ajuste do brilho das telas também deve ser feito”, alertou o oftalmologista do HOV.

O médico reforçou ainda que podem existir alterações refracionais, ou seja, variações do “grau de óculos”, por desatualização dos óculos ou pela não detecção de um grau existente. 

Por isso, exames oftalmológicos periódicos são extremamente importantes para diagnosticar e tratar essas condições.

Fique atento aos alimentos que melhoram a nossa visão

Cenoura

A cenoura é associada à manutenção da saúde dos olhos e sua ingesta proporciona acesso à vitamina A, através do betacaroteno, que contribui para o bom funcionamento da retina e proteção da córnea. 

Outros alimentos alaranjados também têm este benefício, como a abóbora e mamão.

Peixes, semente de soja, óleos de canola e linhaça

Alimentos ricos em ácidos graxos essenciais do tipo ômega-3 auxiliam no combate à Síndrome do Olho Seco pois podem melhorar o desempenho do filme lacrimal contribuindo para uma melhor lubrificação ocular.

Folhas verdes escuras

Espinafre, couve e brócolis são exemplos de de alimentos ricos em luteína e zeaxantina que contribuem na prevenção de desenvolvimento de Degeneração Macular Relacionada à Idade. 

Uma salada de folhas verdes contribui para a sua saúde ocular, trazendo benefícios que protegem os olhos das ações do sol. Contribui também para conter o desenvolvimento da catarata.

Frutas cítricas

São ricas em vitamina C e contêm potentes antioxidantes que previnem e impedem a evolução de doenças, como o glaucoma e surgimento de catarata. Inclua laranja, limão e morango em sua dieta.

Suplementação com vitaminas

Lembrando ainda que existem algumas suplementações vitamínicas que podem ser prescritas pelo seu médico caso haja indicação clínica. Nada substitui a consulta e a orientação do seu médico Oftalmologista.

Últimas