Folha Vitória Vermífugo é capaz de reduzir em 55%a carga viral do novo coronavírus, aponta estudo

Vermífugo é capaz de reduzir em 55%a carga viral do novo coronavírus, aponta estudo

Artigo assinado por 29 pesquisadores afirma que remédio foi capaz de diminuir carga viral em pacientes, mas não reduziu sintomas

Folha Vitória
Foto: Reprodução
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Nesta segunda-feira (28), um artigo científico publicado no European Respiratory Journal afirma que o vermífugo nitazoxanida, cujo nome comercial é Annita, é capaz de reduzir em 55% a carga viral do novo coronavírus. O artigo é assinado por 29 pesquisadores, coordenados pela professora Patrícia Rocco, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro).

A nitazoxanida é um medicamento amplamente disponível e exerceu "atividade antiviral de amplo espectro in vitro", ressaltou os pesquisadores no artigo. No entanto, não houve evidências de seu impacto na infecção por SARS-CoV-2, o que significa que não reduziu os sintomas da covid-19.

O estudo contou com 1.575 voluntários em sete cidades brasileiras, sendo que 392 contraíram a covid-19 e foram selecionados; 198 tomaram placebo e 194, a nitazoxanida. Entre os pacientes que usaram o remédio, a carga viral apresentou queda de 55% após 5 dias. Já entre os que tomaram placebo, a carga viral caiu 45% no mesmo período.

A dosagem utilizada foi de 500 mg, de 8 em 8 horas, durante 5 dias.

*Com informações do Portal R7

Últimas