Folha Vitória Viana Vacinada: acesso às doses só é garantido após assinatura em termo de consentimento

Viana Vacinada: acesso às doses só é garantido após assinatura em termo de consentimento

Como se trata de um estudo científico, voluntários devem acessar o site, fazer o agendamento e assinar um termo de consentimento

Folha Vitória
Foto: André Sobral / PMV
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

O agendamento para participar do projeto "Viana Vacinada" começou às 15h deste domingo (06). Em uma entrevista coletiva que aconteceu no início da tarde, foi anunciado que para participar da pesquisa, é necessário fazer o agendamento no site www.vianavacinada.saude.es.gov.br. Mas é necessário assinar um termo de consentimento por se tratar de um estudo científico.

Somente serão vacinados os moradores e eleitores de Viana que fizerem o  agendamento no site e assinarem este termo. 

"Não é possível chegar para vacinação sem ter feito o cadastro na plataforma, que é onde estará o termo de consentimento. Se tiver dificuldade de acesso ou internet, os profissionais da unidade de saúde poderão ajudar a fazer esse agendamento", afirmou a coordenadora do estudo "Viana vacinada", Valéria Valim.

Caso o voluntário não tenha acesso à internet, o agendamento na plataforma poderá ser feito nas unidades de saúde ou com o auxílio do agente de saúde.

Segundo a prefeitura, os dados pessoais fornecidos para o projeto serão usados apenas para fins da pesquisa e não serão repassados para ninguém. Na divulgação dos dados, a identidade do participante nunca é revelada de modo a preservar o sigilo das informações. Isso é garantido pelos Comitês de Ética em Pesquisa.

Serão disponibilizados 35 locais de vacinação. Ao todo, 260 vacinadores trabalharão em 178 salas. A imunização será feita das 8h às 17h. Para ser vacinado, o cidadão deverá apresentar documento com foto e comprovante de residência. 

Quem poderá ser vacinado?

Poderão participar do estudo qualquer morador de Viana na faixa etária entre 18 e 49 anos, desde que concorde em participar como voluntário. Para isso, a pessoa precisará assinar um termo de consentimento. 

"A qualquer momento, a pessoa pode desistir de participar do estudo, mesmo se já tiver assinado o termo", frisou Valéria Valim.

Por outro lado, não poderão se candidatar a voluntário as gestantes e os indivíduos que tenham tido uma história de reação alérgica ou reação adversa grave a qualquer vacina, além das pessoas que já estejam em algum grupo prioritário, que já esteja sendo ou já foi vacinado.

O critério utilizado para as pessoas que podem participar é o de domicílio eleitoral, ou seja, todas as pessoas que moram e votam em Viana conseguem agendar e serão vacinadas na sessão em que votam. 

Quem mora em Viana e não vota na cidade também vai ser vacinado. Serão utilizados dados dos eleitores que votaram na última eleição, fornecidos pelo Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES).

Entenda a pesquisa 

A expectativa é de que cerca de 35 mil moradores de Viana, com idades entre 18 e 49 anos, sejam imunizados com a primeira dose da vacina da Astrazeneca. Entretanto, será aplicada nesse público uma dose ajustada, ou seja, metade da dose que geralmente é aplicada em um indivíduo — a chamada dose padrão.

A ação faz parte de um estudo, coordenado por pesquisadores do Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes (Hucam), da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), cujo objetivo é avaliar se a aplicação da dose ajustada possui eficácia igual ou superior à da dose padrão.

“A população será acompanhada por um ano para observar a efetividade da vacina produzida pela Fiocruz. Queremos observar, por exemplo, a redução de casos e de mortes por covid-19 após a imunização. Baseado em estudos preliminares, esperamos que a vacina em dose ajustada, ou seja, metade da dose padrão, seja suficiente para produzir anticorpos e células de defesa e reduzir 60% da incidência de covid-19, ao longo de seis meses após a vacinação”, explicou a coordenadora do projeto científico, a médica Valéria Valim.

Leia também: Estudo "Viana Vacinada" garante dose padrão de reforço da vacina para voluntários. Entenda

Leia também: Site para agendamento de vacinação em Viana fica congestionado

Leia também: Agendamento para vacinação em massa em Viana começa neste domingo

Últimas