Folha Vitória VÍDEO | Após quatro horas, artefato suspeito é detonado em Bento Ferreira

VÍDEO | Após quatro horas, artefato suspeito é detonado em Bento Ferreira

Este é o terceiro caso de bombas em menos de uma semana na Grande Vitória

Folha Vitória
Foto: Fábio Gabriel | TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Após mais de quatro horas, um artefato suspeito foi detonado pelo Esquadrão Antibombas da Polícia Militar, em Bento Ferreira, Vitória. A operação aconteceu na madrugada desta quarta-feira (20) e uma rua precisou ser interditada.

O suposto artefato, um objeto cilíndrico amarelo e preto, foi colocado na rua Amélia da Cunha Ornelas, próximo à rotatória com a rua Chafic Murad, por volta das 21 horas desta terça-feira (19). Pouco depois, equipes da Polícia Militar e da Guarda Municipal de Vitória foram acionadas e estiveram no local para atender a ocorrência. 

Após a chegada do Esquadrão Antibombas, militares analisaram se o objeto era, de fato, um explosivo, o que não se confirmou. O caso gerou curiosidade em vários moradores da região, que observaram, das varandas dos prédios, os trabalhos da polícia e da Guarda.

O objeto foi encaminhado para outra rua para que fosse detonado. Segundo a Polícia Militar, este é um procedimento padrão.

Câmeras de segurança de um prédio da região registraram o momento em que um suspeito coloca o objeto sobre a calçada, bem em frente ao condomínio. As imagens podem ajudar a polícia a chegar até o suspeito e esclarecer os fatos.

Terceiro caso de bomba em menos de uma semana

Essa é a terceira vez, em menos de uma semana, que a polícia é acionada, na Grande Vitória, para atender a uma suspeita de bomba.

No último sábado (16), uma bomba foi encontrada na rua Neves Armond, na Praia do Suá, bem próximo a Bento Ferreira. Na ocasião, o Esquadrão Antibombas também foi acionado e detonou o artefato explosivo.

A bomba foi encontrada por um casal, que passava pela região e acionou a polícia. Um trecho de cerca de 400 metros da rua onde o objeto foi visto foi interditado para o trabalho dos policiais.

Já na segunda-feira (18), a polícia foi acionada para atender outra ocorrência relacionada a explosivo. Dessa vez, o artefato, uma granada caseira, foi encontrado no bairro Ilha das Flores, em Vila Velha.

Ele foi jogado no local por um suspeito que tentava fugir da Guarda Municipal. O local foi isolado e o Esquadrão Antibombas foi acionado. Os policiais detonaram a bomba, que era composta por pregos e outros objetos cortantes.

Leia também: Esquadrão antibombas já foi acionado 21 vezes neste ano no Espírito Santo

*Com informações do repórter Fábio Gabriel, da TV Vitória/Record TV

Últimas