Folha Vitória VÍDEO | Carro invade loja em posto de combustíveis na Serra e fere fiscais da prefeitura

VÍDEO | Carro invade loja em posto de combustíveis na Serra e fere fiscais da prefeitura

Imagens feitas logo após a batida mostram que um homem chegou a tentar agredir o motorista, dando um chute na porta do carro que ele conduzia

Folha Vitória
Foto: Leitor | Whatsapp Folha Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Um motorista entrou com o carro em uma loja de conveniência de um posto de combustíveis, do bairro Valparaíso, na Serra, na noite de sábado (29). O condutor teria confundido as marchas ao tentar sair com o veículo. Ele estava dentro do estabelecimento e teria bebido, segundo testemunhas. A informação, no entanto, não foi confirmada oficialmente.

O condutor estaria tentando engatar a ré do veículo, quando colocou a primeira marcha. O carro avançou e invadiu o local. Dois fiscais da Vigilância Sanitária da Serra foram atingidos. Apesar do susto, eles tiveram apenas ferimentos leves. No momento do acidente, eles estavam dentro da loja fazendo vistoria na fiscalização para evitar aglomerações durante a pandemia.

Uma pessoa que estava na loja de conveniência, no momento da batida, registrou a situação no local logo após o acidente. As imagens mostram algumas pessoas revoltadas com o motorista e um homem chegou a tentar agredi-lo, chutando a porta do carro contra ele.

O dono do posto preferiu não dar informações, mas disse que amargou um grande prejuízo. Além das perdas materiais, a loja não pôde funcionar neste domingo (30) e só deve ser reaberta na tarde desta segunda-feira (31).

O dono do veículo tem 44 anos e, segundo a Polícia Civil, foi conduzido à Delegacia Regional de Serra. No local, ele prestou esclarecimentos e foi liberado após o autoridade policial entender que não havia elementos suficientes para lavrar um auto de prisão em flagrante naquele momento.

O delegado encaminhou o caso para investigação, para uma melhor apuração dos fatos, e solicitação das imagens de videomonitoramento.

Últimas