Folha Vitória VÍDEO | Especialista dá dicas para evitar acidentes com gás de cozinha

VÍDEO | Especialista dá dicas para evitar acidentes com gás de cozinha

O coordenador da Defesa Civil de Cariacica orienta sobre cuidados necessários após explosão com vazamento de gás em casa no bairro Castelo Branco

Folha Vitória
Foto: EBC
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A explosão causada por vazamento de gás que feriu três pessoas na última quarta-feira (02), no bairro Castelo Branco, em Cariacica, acende o alerta para os cuidados - vários - que as pessoas precisam ter ao utilizar o gás de cozinha. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, um vazamento de gás teria ocasionado o acidente.

O subsecretário de Defesa Social de Cariacica, coronel Wagner Borges, lembrou da gravidade de ocorrências como essas e fez um alerta para a população sobre os cuidados com o gás de cozinha.

"Vazamento de gás é sempre uma ocorrência muito séria. Geralmente termina em graves de queimaduras que podem levar a óbito. Além dos danos físicos às vítimas, ficam os danos emocionais por quem viveu essa realidade. Precisamos ficar atentos", destacou. 

Veja algumas orientações:

- Validade da mangueira e válvula reguladora

De acordo com o coronel Borges, as pessoas precisam ficar atentas a alguns pontos importantes e tomar alguns cuidados. Dentre eles está o prazo de validade da mangueira e válvula reguladora de pressão, o registro. "As pessoas devem verificar os prazos de validade da mangueira e da válvula reguladora de pressão. É muito importante a prevenção nesse caso", afirmou.

- Vazamentos

O coronel explicou ainda que é fundamental verificar se há vazamentos. "A forma mais correta de verificar se há vazamentos, é fazer uma espuma com sabão, aquele de lavar louças mesmo. Se houver bolhar no meio do sabão, significa que há um vazamento. Neste caso, deve ser feito um reaberto ou a substituição do registro", orientou. 

Atenção para outras dicas dos Bombeiros:

-Nunca deite o botijão de gás e nem o coloque em local fechado.

-Não coloque qualquer tipo de dispositivo no regulador de gás como, por exemplo, manômetros para verificar a pressão.

-Nunca use mangueira de gás diferente da aprovada pelo Inmetro. O tamanho da mangueira também não pode ser aumentado, então nem pense em fazer extensões juntando várias delas. “Gambiarras” não combinam com GLP.

-Nunca passe a mangueira por trás do forno, o calor pode derretê-la e causar acidentes. Ao trocar o botijão, não deixe nenhuma chama acesa e nunca, jamais, em tempo algum tente ver se há vazamento usando um fósforo aceso.

-Nunca aqueça o botijão para que ele “renda mais”. Se, ao chegar em casa, você sentir cheiro de gás, não acione o interruptor de luz nem acenda qualquer chama. Vá direto para as janelas e abra tudo. Depois remova o botijão para um lugar ventilado e chame a distribuidora de gás. É bom ter o telefone da sua distribuidora sempre à mão.

Explosão em residência em Cariacica

As três pessoas que ficaram feridas após a explosão, na tarde de quarta-feira (02), receberam atendimento médico e estão na casa de familiares. 

Os móveis da residência onde mãe, filha e neta estavam ficaram destruídos. O colchão do quarto que ficava ao lado da cozinha foi consumido pelo fogo. Com o impacto da explosão, segundo a Defesa Civil do município, a parede de um dos cômodos da casa foi projetada para fora, onde fica um corredor.

Após o acidente, as vítimas foram socorridas e encaminhadas ao Pronto Atendimento de Bela Vista. Elas foram atendidas e, segundo o coordenador da Defesa Civil do município, coronel Wagner Borges, já tiveram alta e estão na casa de familiares.

Foto: Defesa Civil de Cariacica
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

A Defesa Civil de Cariacica informou que o fogo foi rapidamente controlado por equipes do Corpo de Bombeiros, que vai investigar as causas do incêndio. O imóvel não precisou ser interditado.

Esse não é o único caso de explosão registrado em Cariacica neste ano. Em março, um explosão de gás no bairro Del Porto deixou avô e neto gravemente feridos. O idoso não resistiu aos ferimentos e morreu dois dias depois.

Últimas