Folha Vitória VÍDEO | Loja é roubada na Serra; bandido levou até roupas para presentear a namorada

VÍDEO | Loja é roubada na Serra; bandido levou até roupas para presentear a namorada

Funcionárias disseram ainda que um dos suspeitos chegou a dizer que tinha brigado com a namorada e que, por isso, estava escolhendo um look para se reconciliar com ela

Folha Vitória

Uma loja inaugurada há três semanas no bairro Laranjeiras, na Serra, foi invadida por criminosos armados. Além de aparelhos eletrônicos, eles roubaram também um conjunto de roupa. Um dos criminosos disse que a peça seria um presente para que ele se reconciliasse com a namorada. 

O crime aconteceu por volta das 14h em um dos polos comerciais mais movimentados da Serra. As câmeras de segurança da loja registraram tudo. É possível perceber quando os suspeitos chegam na frente da loja de bicicleta e estacionam. 

Eles olham para o interior do estabelecimento. A dupla entra calmamente na loja e finge ser cliente. 

Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

De acordo com as funcionárias, eles ficaram cerca de 10 minutos escolhendo roupas. Quando chegaram no caixa, eles anunciaram o roubo. 

Nas imagens o criminoso de blusa branca fica sentado esperando o comparsa agir. O suspeito de casaco se aproxima e levanta a blusa, mostra uma arma de fogo, mas não fica com o revólver na mão. 

As duas atendentes começam a entregar tudo que tinha valor: os celulares, máquina de cartão, notebook e até as roupas escolhidas pelos criminosos, que a funcionária foi obrigada a embrulhar e colocar em sacola. 

A loja fica em uma região conhecida como "Rua da Moda". A inauguração aconteceu há três semanas. Uma das vendedoras começou a trabalhar há poucos dias. 

Uma das funcionárias que estava no caixa na hora do roubo, reconheceu os assaltantes, pois tinha assistido um vídeo de outro crime que, segundo ela, foi cometido pelo mesmo suspeito. 

"Assim que ele entrou eu falei: Já era. É ele! Eu reconheci na hora, mas não tinha o que fazer. Entrou um cliente e eu tentei avisá-lo, mas eles (criminosos) ficaram de olho na gente. O outro que estava de branco era bem esperto. Tentei pegar o celular, mas ele mostrou a arma. E a outra funcionária teve que atender como se fossem clientes. Eles fizeram ela subir e pegar mercadoria", contou.

As funcionárias disseram ainda que um dos suspeitos chegou a dizer que tinha brigado com a namorada e que, por isso, estava escolhendo um look para se reconciliar com ela. 

"Eles me pediram especificamente um cropped. Eu comecei a procurar. Em seguida, mencionei um que poderia fazer conjunto com outras peças", contou. 

A desculpa usada por ele para roubar a roupa custaria cerca de R$ 500 se tivesse comprado o conjunto. Além disso, ele ainda pediu para que a funcionária pegasse uma sandália de marca de R$ 80.

"Eu perguntei se ele sabia a numeração. E ele confirmou que era 36. Então, ele já estava com tudo pronto pra levar mesmo", afirmou a atendente.

Uma das vendedoras ficou furiosa no momento do assalto e chegou a discutir com a dupla. 

"Eu comecei a discutir com ele que queria o meu celular de volta, porque não seria útil para eles. O outro viu que eu estava fazendo barulho e mandou a gente subir. E a gente teve que obedecer", relatou ela indignada.

As testemunhas contaram que os criminosos saíram da loja sem medo de que fossem pegos. De acordo com elas, eles roubaram mais de R$ 400 em mercadorias.

Uma das vítimas registrou um boletim de ocorrência pela internet e aguarda a efetivação. Somente após o registro da ocorrência, a Polícia Civil pode dar início às investigações. 

*Com informações da repórter Marla Bermudes, da TV Vitória / Record TV.

Últimas