Folha Vitória VÍDEO | Mulheres e crianças são flagradas em loja de Cariacica furtando brinquedos

VÍDEO | Mulheres e crianças são flagradas em loja de Cariacica furtando brinquedos

De acordo com as imagens das câmeras de segurança, as suspeitas selecionavam os produtos e guardavam em sacolas que as filhas seguravam

Folha Vitória
Foto: Reprodução TV Vitória
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

Duas mulheres e três crianças foi flagradas por câmeras de segurança de uma loja de Campo Grande, em Cariacica, furtando brinquedos. Uma das suspeitas acabou presa.

Nas imagens é possível ver que as mulheres estão dentro da loja cercadas por crianças. A loira está grávida e segura um produto. A dupla conversa e depois a loira vai até um canto da loja e guarda a mercadoria na sacola de uma das menina. A grávida até olha pra câmera, mas quando a funcionária, que está de azul, se aproxima, a mulher sai com as crianças.

Confira:

Funcionários da loja relataram para a polícia que o grupo entrou na loja às 17 horas e foi pegando vários brinquedos. As mulheres selecionavam os produtos e guardavam em sacolas que as filhas seguravam. Porém, em um certo momento, a movimentação gerou desconfiança entre os funcionários, e para disfarçar a grávida pediu água, enquanto o restante do grupo deixava a loja. Quando ela percebeu que não tinha mais ninguém com os produtos furtados, ela também saiu.

As mulheres e as filhas conseguiram fugir com as mercadorias, mas não foram muito longe. Durante a fuga, os funcionários da loja verificaram as câmeras e constataram o crime e acionaram a polícia. Enquanto os PMS não chegavam, os funcionários saíram em busca das criminosas e acharam o grupo em outra loja.

Ao serem abordadas pelos responsáveis do comércio furtado, as mulheres negaram o crime e, antes da chegada da polícia, a grávida fugiu com as sacolas de produtos. 

A outra suspeita de 48 anos acabou na delegacia com a adolescente. A mulher foi autuada por furto e corrupção de menores. Segundo a polícia, na manhã desta quarta-feira (14), ela foi encaminhada ao presídio. Já a filha foi liberada.

Os funcionários da loja conseguiram recuperar R$ 120 em mercadorias, incluindo bonecas, jogos e massinhas.  

* Com informações da repórter Jéssica Cardoso, da TV Vitória / Record TV

Últimas