Folha Vitória VÍDEO | Perseguição termina em acidente e homem detido em Vila Velha

VÍDEO | Perseguição termina em acidente e homem detido em Vila Velha

De acordo com a Guarda de Vila Velha, o rapaz detido é apontado com gerente do tráfico do bairro Novo México

Folha Vitória

Uma perseguição no bairro Novo México resultou em uma colisão e um rapaz de 20 anos detido. Tudo aconteceu na noite desta quarta-feira (09), após agentes da Guarda Municipal de Vila Velha, em parceria com o serviço de inteligência, encontrarem um veículo com restrição de furto e roubo transitando pelas ruas do município.

> Quer receber nossas notícias 100% gratuitas pelo WhatsApp? Clique aqui e participe do nosso grupo de notícias!

Foto: Reprodução / Guarda Municipal de Vila Velha
Folha Vitória

Folha Vitória

Folha Vitória

De acordo com o subinspetor Schultz, da Guarda Municipal, a perseguição começou após o carro ter sido detectado pelo cerco de inteligência de Vila Velha.

"A central informou que o carro tinha passado na Rodovia do Sol. A equipe de moto fez o cerco e na Rodovia Darly Santos a gente viu o carro. Demos ordem de parada com sinal luminoso e sonoro e ele desobedeceu", explicou Schultz.

Ainda segundo Schultz, durante a perseguição, o suspeito se dirigiu até o bairro Novo México e, após passar por uma rotatória do bairro, colidiu com uma carreta que passava no sentido contrário. Neste momento, os agentes conseguiram parar o carro e fazer a abordagem.

Após a captura, os agentes confirmaram que, de fato, se tratava de um veículo com restrição de furto e roubo. Dentro do carro não foram encontrados objetos ilícitos.

O rapaz preso, segundo a corporação, já tem passagens pela polícia por desobediência e posse de droga. Ele ainda é apontado como o gerente do tráfico do bairro Novo México.

Suspeito estava no supermercado antes do roubo

Para os policiais, o rapaz disse desconhecer a restrição do veículo e que estava no supermercado antes de tudo acontecer.

"Ele informou que estava no supermercado e que não fazia ideia de que o veículo possuía restrição de furto e roubo, mas ele já é um indivíduo que já efetuamos a prisão em outro momento", afirmou o subinspetor Schultz.

Sobre o veículo, o rapaz disse aos policiais que seria de um amigo e que ele pegou emprestado com o intuito de fazer compra com a esposa, que também foi encontrada no carro durante a abordagem. 

Ao ser questionado sobre o motivo de não obedecer à parada exigida pelos agentes, o suspeito afirmou que não tem o costume de parar para forças policiais e, sempre que a polícia tenta abordá-lo, ele não para.

* Com informações da repórter Alice Mourão, da TV Vitória/RecordTV.

Últimas